Turismo: governo federal oficializa aporte de R$ 100 milhões para COP 30

Publicado em por em Belém, Pará

Turismo: governo federal oficializa aporte de R$ 100 milhões para COP 30
Celso Sabino, ministro do Turismo: "Olhos do mundo voltado para o Brasil e o Pará"

Empreendedores turísticos privados do Pará terão um suporte extra do governo federal para aprimorar serviços e qualificar o atendimento aos visitantes esperados durante a COP 30 de 2025, em Belém.

Portaria assinada nesta sexta-feira (10) pelo ministro do Turismo, Celso Sabino, prevê um aporte de R$ 100 milhões do Fundo Geral de Turismo (Novo Fungetur) neste sentido ao estado, além de definir benefícios à contratação de financiamentos por meio da linha.

Atividades envolvidas no suporte à realização do evento poderão captar até R$ 30 milhões para obras de implantação, ampliação, modernização e reforma de empreendimentos e, também, obter capital de giro associado. Também estabelece o aumento para até 100% da participação do Fungetur no valor dos financiamentos, além de autorizar a utilização de todos os tipos possíveis de fundos garantidores nas operações.

Vetor de desenvolvimento

O ministro do Turismo, Celso Sabino, explica que a iniciativa busca garantir a boa recepção do público da COP 30.

“Os olhos do mundo estarão voltados ao Pará e ao Brasil, e podemos, com este apoio, mostrar o quanto o turismo, devidamente preparado, pode ser um vetor do desenvolvimento sustentável. Estamos falando de um suporte extremamente vantajoso para a preparação de pequenos negócios para o atendimento do público da COP 30”, aponta.

Interessados em acessar o Fungetur, operado com verbas do Ministério do Turismo e que contempla preferencialmente micro, pequenas e médias empresas, devem estar inscritos no Cadastur (Cadastro de Prestadores de Serviços Turísticos). A relação de beneficiários inclui meios de hospedagem, agências de turismo, transportadoras turísticas, organizadoras de eventos, parques temáticos e acampamentos turísticos.

Celso Sabino e lideranças políticas presentes no evento realizado em Belém

Também poderão contar com os benefícios do Fungetur à preparação da COP 30 os seguintes tipos de estabelecimento, desde que registrados no Cadastur: restaurantes, cafeterias, bares e similares; centros ou locais destinados a convenções e/ou a feiras e a exposições e similares; parques temáticos e empreendimentos dotados de equipamentos de entretenimento e lazer; marinas e empreendimentos de apoio ao turismo náutico ou à pesca desportiva.

A lista pode incluir, ainda, casas de espetáculos e equipamentos de animação turística; organizadores, promotores e prestadores de serviços de infraestrutura, locação de equipamentos e montadoras de feiras de negócios, exposições e eventos; locadoras de veículos a turistas e prestadores de serviços especializados na realização e promoção das diversas modalidades dos segmentos turísticos, abrangendo atrações turísticas e empresas de planejamento, bem como a prática de suas atividades.

Spread até de 5%

O Fungetur permite obter financiamentos com juros de até 5% de spread, mais o INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor) acumulado nos últimos 12 meses. Para acessar o Fundo, basta procurar uma das instituições financeiras habilitadas, às quais cabe analisar os pedidos e liberar os recursos. Também será de responsabilidade dos agentes financeiros comprovar a destinação do crédito para o apoio à realização da COP 30.

O Ministério do Turismo promove uma série de ações com vistas à COP 30. Entre elas, a qualificação profissional do setor turístico habilitado a prestar atendimentos durante o evento.

Neste ano, o ministro Celso Sabino e a secretária executiva do MTur, Ana Carla Lopes, já discutiram ações de capacitação profissional na área com a Secretaria de Estado de Turismo do Pará, o Sebrae e a Universidade Federal do Pará, entre outros.

Segundo Celso Sabino, o aporte de R$ 100 milhões é do Fungetur

Com informações e fotos do Ministério do Turismo

— O JC também está no Telegram. E temos ainda canal do WhatsAPP. Siga-nos e leia notícias, veja vídeos e muito mais.


Publicado por:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *