Um dos donos do SGC (Sistema Guarany de Comunicação), que engloba a FM Guarany, TV Guarany (Record) e portal Guarany, Ademir Pereira faleceu ontem à noite (2), por volta das 22h, no  hospital Sagrada Família, em Santarém.

Há anos, ele lutava contra um câncer na próstata.

Ademir deixa órfão 4 filhos – Cristiano, Simone, Sinara e Luciana. Era casado com Luciane Pereira e tinha 58 anos.

O corpo do empresário está sendo velado na capela mortuária da igreja de N.S. da Conceição.

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

6 Comentários em: Morre o dono da rádio e TV Guarany

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Luiz Carvalho disse:

    Um dos grandes ícones da comunicação santarena deixa uma lacuna irreparáve. Faço aqui lembrar de pessoas quando minha inserção no rádio no ano de 1985, João Sílvio Gonçalves, Ademilson Pereira e agora Ademir Pereira. Quando ainda menino os conhecí, o primeiro que me fez aos 12 anos de idade falar em uma emissora de Rádio, a Tapajós FM, cometí algumar garfes mas eram perdoadas.
    Aí começa minha história de vida no rádio, hije estou com 38 anos de idade e 25 de melitância no rádio, e esses homens que me deram os primeiros conselhos. Continuo na comunicação no Amazonas, mas não esqueço minha terra e minha gente, graças a Deus e meus amigos.
    À família Guarany meus sentimentos de pesar e meus agradecimentos.

    Meu nome: Luiz Carvalho, Lilico “O locutor anão da amazônia”.

  • Dom elixiparigorico disse:

    Senhor guarde ai mas um filho teu,mas Ademir ai onde vc estar vc tem que ta feliz,e de lá olhe e relembre as nossa ondas aki em baixo,eu,fabiano,djalma neves,savio,calango,pixilinga,tucunaré,quara,coverio,e mtos outros que sempre davamos um keixo p entrar de graça, e vc as vezes deixavamos entrar,hummm e o bendelak,nunca lhe deu um cano numa gelada,rsrs.Que Deus o tenho em seu trono sagrado,p familia a força e a bençao de Deus.valeuuuuuu Ademir

  • André Cavalcante disse:

    O Milson e o Ademir foram os responsáveis pela alavancada do Grupo Guarany de Comunicação cuja semente é o seu Otávio Pereira.
    Perde a família, os amigos e principalmente a Comunicação Santarena.
    Daqui de Belém me uno na dor da família Pereira.
    Que Deus guie e conforte a todos.

  • EVERALDO PORTELA disse:

    Sinto, sinto muito mais esta perda desta digna e honrada família…
    Muitos anônimos admiradores de Ademir vão sentir sua ausência nos arraiais de Aparecida, de Nossa Senhora da Conceição… Mais um guerreiro da comunicação santarena se vai para os braços carinosos do Nosso Senhor.
    Que nosso Altíssimo Pai o acolha no reino dos céus e derrame seu amor de conforto sobre a família enlutada.

  • Eu fui colega do Milson e Ademir desde garoto, e conheço a semente desta família empreendedora, desde o tempo do Serviço de Propaganda Volante Guarany, do incansável Otávio, este também da EMO Promoções; dos arraiais, dos convites nas ruas etc. Espero que a família Pereira continue promovendo o bem-estar do povo santareno, pois ela tem material para uma belíssima, interessante e afável obra para a histórica dos meios de comunicação do Pará.

  • Minhas condolências à família Pereira, e lamentar mais um desaparecimento prematuro desta clã emprrendora do ramo da comunicação social, comandada pelo visionário diuturnista Otávio Pereira. Que Deus tenha reservado um lugar de grandeza para o Ademir no jardim dos justos.