Foto: Paulo Fernandes
Belterra no Estado do Pará / Belterra at Pará State - Brazil
Belterra: onde o resultado da eleição ainda não foi bem digerido pelos partidos

Na madrugada de hoje (23), três homens encapuzados tentaram roubar um veículo guardado no prédio da Secretaria de Infraestruta de Belterra.

O vigia foi espancado brutalmente pelos criminosos.

Na madrugada anterior, a decoração natalina montada na praça principal da cidade foi completamente destruída – e teve que ser refeita.

Especula-se que os dois atos têm conotação político-partidária.

O clima em Belterra ficou pesado desde que foi anunciado o resultado da eleição para prefeito, em 7 de outubro deste ano. Dilma Serrão (PT) ganhou do candidato do DEM, Doutor Macêdo, por uma diferença de apenas 25 votos (3.846 a 3.821).

O 3º mais votado, Ulisses Medeiros (PMDB), também obtve mais de 3 mil votos na eleição (exatos 3.165).

A diplomação dos eleitos, semana passada, ocorreu com a presença de forte aparato da PM.

Leia também:
Rota de colisão em Belterra.

  • 6
    Shares

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

5 Comentários em: Belterra: nervos políticos ainda à flor da pele

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • (Com correções)
    Kara de Pinto, imparcialidade é uma coisa… mentir é outra coisa. Eu tenho que ser imparcial, mas não posso ser tapado para não enxergar a realidade.

    Vejo que você não conseguiu interpretar o texto, então eu vou explicar pra você:
    O que comentei foi que discordo da frase: “Especula-se que os dois atos têm conotação político-partidária.” Se você leu os primeiros parágrafos da postagens, esses DOIS ATOS trata-se:
    1 – Da tentativa de assalto de um carro da Secretaria de Infra-Estrutura e;
    2 – Da ação de vandalismo ocorrida na praça.

    Cá pra nós. Estes dois atos teriam conotação política? Que provas têm? Alguém lembra de quando culpavam os partidos pela falta d’água, pela falta de luz e etc? Você lembra Kara de pinto? Eu lembro muito bem e tenho até vídeo disto. Foi isto que comentei… essa tentativa de culpar a oposição por tudo de ruim que acontece na cidade.

    Eu apenas interpretei o texto e discordei… Em nenhum momento eu discordei que o clima está tenso. Apenas não concordei com o texto citado acima.

    #Eu falto, explico e assino embaixo… esse é meu jeito de ser.

  • KARA DE PINTO disse:

    Jeso muito oportuno..oportuno e oportuno a sua matéria nervos politicos ainda a flôr da pele,seria importante uma matéria mais profunda junto a justiça eleitoral pra que você tenha real conhecimento dos fatos,antes mesmo do fim da eleição já existia um clima de insatisfação de funcionários juizes e promotoria em relação a Dra Edna esposa do candidato a prefeito,ela tem recebido conselhos de amigos e até magistrados pra que tome um novo rumo e outro comportamento e se conforme e nada e nada…quer o poder de qualqier maneira.
    Existe hoje em Belterra um clima de terror implantado pelo casal temperamental.Ronilson mostra um lado imparcial,não se está falando de administração e sim de vandalismo e ele compartilha e apoia…a Ronilson…….
    Este tema daria uma matéria grandiosa se aprofunde nos fatos…..

  • Jeso, entendo perfeitamente que o clima político em Belterra continua tenso, mas atribuir tudo de ruim à oposição não passa de uma estratégia utilizada por aqui há muito tempo. Quando a coisa dar certo, foi o governo que fez, quando dar errado é culpa da oposição… assim é muito fácil governar.

    1. Quem te viu e quem te vê em Ronilson, nunca pensei que veria você puxando saco do casal bomba atômica, será que eles te ofereceram a assessoria de comunicação da prefeitura pra você ficar do lado deles. Me desculpe pensar assim, mas, foi assim que eles fizaram a campanha, prometendo cargos.

      1. Em nenhum momento eu defendi A ou B, apenas questionei a frase: “Especula-se que os dois atos têm conotação político-partidária”. Se você leu o texto deve ter entendido quais são esses DOIS ATOS.
        Quanto ao seu pensamento, eu não me importo, pois tenho consciência tranquila de que jamais recebi proposta alguma. Aliás é justamente contra isto que eu luto. Luto por uma campanha eleitoral em Belterra sem troca de votos por emprego… é por isto que luto por CONCURSO JÁ em Belterra.