O senador paraense José Nery (PSOL) pediu à CPI da Pedofilia, nesta quinta-feira (4), que convoque a depor, de forma coercitiva, três acusados de exploração sexual de menores no Pará.

Segundo revelou, dois dos denunciados – o dono de garimpo Irajá Fonseca de Oliveira e o promotor de eventos Carlos Roberto da Silva (foto), conhecido como “Batgirl“, – teriam cometidos esses crimes no município de Itaituba, enquanto o terceiro, o médico e ex-vereador Renato Martins, seria suspeito de envolvimento numa rede de exploração sexual de adolescentes em Altamira.

A CPI da Pedofilia realizou uma sessão de depoimentos no Pará em setembro de 2009, mas, de acordo com José Nery, os três acusados se recusaram a comparecer.

Em relação a Irajá Fonseca, denunciado por abusar sexualmente da neta e de mais 34 crianças, o parlamentar lamenta que continue em liberdade. Já o médico Renato Martins, que hoje mora em Brasília, teria ido com a mulher à comissão apresentar uma série de motivos para não ser convocado a depor.

– A vinda deles à CPI significaria uma esperança de que algo vai ser feito – comentou José Nery.

O representante do Pará sugeriu ainda uma nova visita da comissão ao estado, não só para a realização de trabalho investigativo, mas para orientação dos diversos segmentos que atuam na repressão à pedofilia.

Segundo adiantou, o reitor da Universidade Federal do Pará, Carlos Maneschi, já teria sido contactado para a realização de um seminário sobre o tema. O presidente da CPI, senador Magno Malta (PR-ES), concordou com a proposta e se comprometeu a agendar, em breve, a data do evento.

Fonte: Agência Senado

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

Um comentário em: PSOL que depoimentos de "Batgirl", Irajá e ex-vereador em CPI

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *