Se a eleição fosse hoje, JK seria eleito prefeito de Santarém no 1º turno, aponta pesquisa da Doxa

Publicado em por em Política, Santarém

Se a eleição fosse hoje, JK seria eleito prefeito de Santarém no 1º turno, aponta pesquisa da Doxa
JK do Povão (PL) lidera em todos os cenários, segundo a Doxa. Foto: CMS

A Doxa publicou hoje (9) a sua segunda pesquisa registrada no TRE (Tribunal Regional Eleitoral) do Pará no ano sobre o cenário eleitoral de Santarém (PA), o 3º maior colégio eleitoral do estado. O instituto testou o nome de 6 pré-candidatos. Dois se destacam: JK do Povão (PL) e José Maria Tapajós (MDB).

Em se tratando de votos válidos, que é como a Justiça Eleitoral trabalha os votos, o atual vereador JK do
Povão aparece em 1º lugar com 53,7% dos votos válidos. Em 2º, José Maria Tapajós, com 30,1%.

A somatória dos votos válidos de José Maria e dos demais pré-candidatos chega a 46,3%. Com esses números, JK seria eleito no primeiro turno.

Foram entrevistados 400 eleitores, semana passada, entre os dias 4 a 7, tanto na zona urbana quanto na rural. A pesquisa está registrada no TRE (Tribunal Regional do Pará) sob o protocolo PA-04444/2024. A margem de erro é de 4.9 pontos percentuais para mais ou para menos do resultado encontrado na pesquisa.

Se a eleição fosse hoje, JK seria eleito prefeito de Santarém no 1º turno, aponta pesquisa da Doxa
Os 6 nomes na disputa para Prefeitura de Santarém: Feliciano, Tapajós, Jardel, Izabel JK e Hugo. Foto montagem: JC

Além da intenção de votos, foram avaliados os governos de Nélio Aguiar (municipal), Helder Barbalho (estadual) e Lula da Silva (federal).

Votos flutuantes

Na pesquisa espontânea, em que não se apresentam os nomes dos pré-candidatos, os números mostram, ainda, um quadro eleitoral muito aberto. Os votos flutuantes (somatória de brancos, nulos e indecisos) aparecem com índice alto, 78,3%.

Quanto aos nomes citados, o vereador JK do Povão aparece na frente com 11,2%. O segundo colocado é o ex-deputado estadual José Maria Tapajós, que vem com 7,2%.

Maria do Carmo (PT), 0,5%; Hugo Diniz (PSDB), 0,2% e Izabel Salles (PSOL), 0,2% foram os demais citados.

Estimulada

Na pesquisa estimulada, em que se apresentam os nomes dos pré-candidatos aos entrevistados, JK do Povão soma 44,0%. O segundo colocado é José Maria Tapajós, que alcançou 24,7%.

Jardel Guimarães (SD) é o terceiro colocado, com 6,4%. Hugo Diniz (PSDB) obteve 2,7%. Izabel Sales (PSOL) aparece também com 2,7%; e Feliciano Braga (Novo) vem com 1,5%.

Os votos brancos, nulos e indecisos somam 18,1%.

Se a eleição fosse hoje, JK seria eleito prefeito de Santarém no 1º turno, aponta pesquisa da Doxa

Votos válidos

Quando se trata de votos válidos, isto é, os votos nominais, excluindo brancos, nulos e indecisos, o vereador JK vai para 53,7%. Esse índice lhe garantiria a eleição em primeiro turno, caso a eleição fosse realizada hoje.

José Maria Tapajós ficaria com 30,1%. Jardel Guimarães emplacaria 7,8%. Hugo Diniz atingiria 3,3%, empatado com Izabel Sales, que obteve o mesmo percentual, 3,3%. Feliciano, do Novo, alcançaria apenas 1,8%.

Rejeição

Quando se trata de rejeição, há um número significativo de eleitores que não rejeitam nenhum dos pré-candidatos, somando 53,1%.

José Maria Tapajós aparece como o mais rejeitado, somando 20,2%. JK do Povão vem com 9,7% de rejeição.

Jardel Guimarães vem com 7,5%. A pré-candidata do PSOL, Izabel Sales, tem rejeição de 5,0%. Feliciano Braga é rejeitado por 1,2%. Hugo Diniz é o menos rejeitado, aparecendo com 1,0%.

Aprovação/desaprovação

O governo de Nélio Aguiar está sendo aprovado por 70,8 dos eleitores de Santarém; enquanto sua desaprovação chega a 25,7%.

Outros 3,5% não se manifestaram.

Se a eleição fosse hoje, JK seria eleito prefeito de Santarém no 1º turno, aponta pesquisa da Doxa

Por outro lado, o governo Helder Barbalho tem aprovação de 72,1% dos eleitores de Santarém. Sua desaprovação chega a 21,9%.

Outros 6,0% não se manifestaram.

Por sua vez o governo do presidente Lula tem desaprovação de 46,9%; a aprovação é de 46,6%.

Outros 6,5% não quiseram se manifestar.

➽➽ Análise do cientista político Dornélio Silva:

Essa segunda pesquisa oficial, registrada no TRE, mostra o cenário eleitoral sendo liderado pelo vereador JK do Povão. O principal concorrente de JK é o ex-deputado estadual do MDB José Maria Tapajós. Na primeira pesquisa da Doxa publicada de Santarém, o vereador JK tinha 34,7% das intenções de voto. Agora, JK vai para 44,0%, um crescimento de 9,3 pontos.

Já José Maria Tapajós tinha 18,4% de intenção de voto. Nessa segunda pesquisa, José Maria subiu para 24,7%, tendo um crescimento de 6,3 pontos.

O quadro mostra que o potencial de crescimento de JK supera o de José Maria. Isso é explicado pela rejeição. José Maria tem rejeição bem acima de JK, o que lhe dificulta seu crescimento. Já JK, com rejeição baixa, tem maior potencial de crescimento.

Como se percebe pelos dados da pesquisa, ao transformar os índices em votos válidos, JK ganharia a eleição se fosse hoje, uma vez que seu percentual ultrapassa a 53%.

A somatória dos demais pré-candidatos não ultrapassa ao percentual de JK. É uma segunda fotografia que mostra a tendência de crescimento de JK.

Com informações, gráficos e números da Doxa

— O JC também está no Telegram. E temos ainda canal do WhatsAPP. Siga-nos e leia notícias, veja vídeos e muito mais.


Publicado por:

13 Comentários em Se a eleição fosse hoje, JK seria eleito prefeito de Santarém no 1º turno, aponta pesquisa da Doxa

  • E ainda tem gente que fala que Santarém é uma cidade universitária. Essa pesquisa, se for verdadeira, mostra que a população santarena não é nada politizada e que essa história de cidade universitária não se reflete na educação do seu povo. Um povo educado e politizado, jamais daria seu voto para jk. Um cara sem projeto, falastrão e que sequer sabe escrever. Imagine ele como prefeito…Pobre povo de Santarém.

  • CHORA NAO NENENSSSSS QUANDO A MAIORIA QUER NÃO TEM JEITO AGORA É JK

  • Que horror! Um cara que não apresenta proposta, que se diz do povão, só sabe falar de buracos e mal dos outros. É preciso reverter essa situação

  • Tomara que o Povo de Santarém não tenha uma amarga decepção, assim como teve o povo brasileiro com o guru do JK.

  • Santarém esta junto com Cámeta entre os 100 municípios do Brasil, mais politizados, não será o peso da maquina estadual;/ ou mesmo da municipal, que mudara o quadro, JK; e o melhor para a pérola do Caeté, viva a EXTREMA-DIREITA.

  • kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk, até parece, depois da eleicao a gente conversa……

  • Jk no primeiro turno, é o que se ouve nas rodas de conversa. A sociedade está farta da família Maia mandar na cidade, em benefício próprio. Já enriqueceram mesmo. Tchau panela

  • Segue o lider vamos pra cima meu futuro prefeito JK do Povão. Porque choras Panela do Nelio e Helder e companhia. tic tac chega janeiro.

  • ESSA É A REALIDADE DA POLÍTICA DE SANTAREM É O POVO QUE FALA SÓ FALA QUE O ZÉ MARIA TÁ NA FRENTE SÃO OS PUXAS SACOS CHORA NAO NENENSSSSS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *