Publicado em por em Arte

“Encante” é um curta-metragem dirigido por Diego Alano Pinheiro

Filme de antropólogo santareno sobre encantarias será lançado nesta 5ª

O documentário “Encante”, que retrata histórias de encantarias da Amazônia, tem pré-estreia marcada para esta quinta-feira (9), às 20h30, no La Casa Bar e Bistrô, em Santarém (PA).

O curta-metragem tem direção do antropólogo santareno Diego Alano Pinheiro e retrata narrativas como a trajetória do curandeiro Pedrinho (Pedro Carlos Ribeiro) do município de Curuá, e do pescador Arlindo Guimarães, morador da comunidade Igarapé-Açu, em Santarém.

— CONFIRA: Cantor e compositor, Eduardo Dias volta ao comando da Cultura em Óbidos.

Contemplado pela Lei Aldir Blanc do Pará, no edital de multilinguagens, o filme com duração de 30 minutos foi produzido pela Muruci Produções em parceria com o Grupo Canoa Filmes.

O filme explana a narrativa de seres encantados da Amazônia, como o caso do sacaca (curandeiro/encantado) Pedrinho, do município de Curuá. No audiovisual, ele conta que aos 8 anos sumiu durante aproximadamente 7 dias, e sua bisavó fez preces para ele voltar do fundo do rio. Após isso, retornou com poderes da pajelança (cura e mediunidade).

Atualmente, ele é bastante conhecido nacional e internacionalmente por conta de sua prática xamânica (cura por meio de poderes mágicos).

“Encante” também aborda a história de Arlindo, morador da comunidade ribeirinha Igarapé-Açu, que narra a sua experiência ao ser encantado por uma bota cor-de-rosa.

Gravações do filme iniciaram em outubro

O diretor amazônida Diego Alano explica que a ideia do documentário surgiu com intuito de valorizar a perspectiva local, objetivando proporcionar visibilidade e registro da cultura popular amazônica.

“Queremos salvaguardar as narrativas que são verdadeiras manifestações culturais da cosmologia das populações amazônicas, em particular, no território do interior paraense. Essas manifestações são difundidas de maneira oral através de contos, lendas e mitos e que não necessariamente ficam somente no plano ficcional, mas estão enraizados na crença e se juntam com a própria religião local. Se as pessoas acreditam em algo, de fato ela existe – isto porque a cultura molda as nossas crenças”, explicou o antropólogo.

Pedrinho, de Curuá

O produtor executivo, Jefferson Dantas, que acompanha a elaboração do filme desde a pré-produção ressalta:

“Começamos as gravações em outubro, mas o projeto está sendo construído e articulado há 5 meses quando fizemos os primeiros contatos com os ‘encantados’ da região. Nosso objetivo é mostrar esse universo da magia, da encantaria, tão presente na região do Baixo Amazonas”, afirma.

O filme conta com a participação direta e indireta de 20 profissionais e deve ser lançado oficialmente no dia 13/12, na página da Muruci Produções, no Youtube (https://bityli.com/muruciproducoes)

Serviço

Pré-estreia filme “Encante”
Local: La Casa Bar e Bistrô
Endereço: Av. Marabá, nº 374, bairro Santíssimo

Hora: 20h30
Entrada gratuita
Classificação livre
Não esqueça da máscara, álcool em gel e a carteira de vacinação.

Com informações Ascom/Encante


Publicado por:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.