Ex-prefeito não resiste à covid-19 e morre em Belém, para onde foi levado às pressas na 4ª
Isaías Batista Filho, ex-prefeito: morte aos 69 anos em consequência da covid-19. Foto: Arquivo BJ

O ex-prefeito de Juruti (PA) Isaías Batista Filho morreu neste sábado (23) em Belém, para onde foi levado às pressas em aeromédico na noite de quarta-feira (21) com covid-19. Ele foi acompanhado de sua esposa, a prefeita recém-empossada Dona Lucídia (MDB), também com a infecção viral.

Isaías Batista estava com 69 anos, era do grupo de risco por ser também diabético e hipertenso.

 

Na manhã deste domingo (24), ao Blog do Jeso, Diego Batista, um dos filhos do casal, confirmou o falecimento do pai em consequência do novo coronavírus.

Maior liderança do MDB em Juruti, Isaías Batista estava internado em UTI no Hospital da Beneficência Portuguesa, no bairro Umarizal.

Ocupou o cargo de prefeito no período de 2001-2004, para o qual foi eleito em 2000 com 56,58% dos votos válidos de Juruti.

Inelegibilidade do ex-prefeito

Em 2008, entrou outra vez na disputa pelo cargo. Mas sua candidatura foi indeferida pela Justiça Eleitoral, por inelegibilidade. Apesar de fora da linha de frente da política, continuou atuando com desenvoltura nos bastidores.

Acabou fazendo de sua esposa, Lucídia Batista, a maior expressão legível do MDB no município. Lançando-a à prefeita em 2012 e vice-prefeita em 2016 – ambas empreitadas sem sucesso.

No ano passado, contudo, conseguiu elegê-la prefeita, com 48,65% dos votos, derrotando o seu maior adversário político em Juruti, o ex-prefeito por 3 vezes Henrique Costa (PT).

A vitória nas urnas de Dona Lucídia ainda é alvo de contestação pelo MPE (Ministério Público Eleitoral) no TSE (Tribunal Superior Eleitoral), com chances remotas de reverter a decisão do TRE do Pará em favor da emedebista.

Isaías Batista Filho, nascido em 20 de maio de 1951, era natural de Juruti.


📹 Assine o canal do Blog do Jeso no Youtube, e assista a dezenas e dezenas de vídeos.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *