Óbidos, Terra Santa, Almeirim, Monte Alegre, Curuá e Faro em 6 notas curtas
Matheus Almeida, à esq., prefeito de Monte Alegre: licitação ganha por integrante da comissão de transição. Foto: Arquivo BJ

➽ Terra Santa. Direção escolar

Ex-presidente da Câmara de Vereadores, Jorge Picanço (MDB) assumiu interinamente a direção da escola estadual Antônio Cândido Machado. O cargo estava vago desde agosto do ano passado. É a 4ª vez que o professor bacharel e licenciado em Ciências Sociais (UFPA) assume o comando da escola.


➽ Curuá. Licitações soltando fumaça

O TCM (Tribunal de Contas dos Municípios) precisa colocar lupas grossas nas licitações realizadas em Curuá, governo do prefeito Gica (Podemos). Os absurdos já ecoam além das fronteiras do município. Em Alenquer, Óbidos e Santarém, entre experts em processo licitatório, não se fala de outra coisa.

 

➽ Almeirim. Onde eles têm conta

O trio que teve os seus bens bloqueados pela Justiça – Adriane Bentes, ex-prefeita, e os ex-secretários Dilce Pires e Amerson Maramalde – tem 4 contas bancárias diferentes cada um. Adriane no Banpará, Caixa, BB e Bradesco; Dilce, no Banpará, BB, Bradesco e Santander. Maramalde no BB, Santander, Caixa e Itaú. Valor exato do bloqueio: R$ 1.198.835,77.


➽ Faro. Calote bancário

O prefeito Paulo Carvalho (PSD) também enfrenta dor de cabeça por calote do tipo deixado em Almeirim. No caso de Faro, deixado pela ex-prefeita Jade Viana (MDB). Ela não repassou valores de empréstimos consignados descontado no salário dos servidores ao Banpará e Caixa Econômica. A dívida ultrapassa, segundo Carvalho, os R$ 3 milhões. O atual prefeito também deve judicializar o calote.

— LEIA também: Segue o jogo: Sintepp paga custas e ação contra prefeito volta tramitar na Justiça


➽ Óbidos. Choro dos oportunistas

Integrantes do CME (Conselho Municipal de Educação), que ficaram calados aos desmandos e descalabros do governo Chico Alfaia por 4 anos (2017-2020), de repente saíram da toca do silêncio cúmplice e começaram a vocalizar críticas ao prefeito Jaime Silva – com menos de 3 meses no cargo. É que Jaime começou a cortar privilégios da casta pinoquiana oportunista.


➽ Monte Alegre. Eirelli amiga

A empresa conhecida como Cabeça Gás ganhou licitação milionária realizada pela prefeitura, para fornecimento de combustíveis. A empresa, uma Eirelli, tem como sócio administrador Alano Linhares Batista. Que, coincidência, foi um dos integrantes da comissão criada em novembro de 2020 para fazer a transição do governo anterior (Jardel Vasconcelos) para o novo (Matheus Almeida).

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

2 Comentários em: Óbidos, Terra Santa, Almeirim, Monte Alegre, Curuá e Faro em 6 notas curtas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *