Sem dinheiro e apoio para Cultura, secretário deixa o cargo após 2 anos
Eduardo Dias em audiência pública em Brasília: projetos para Óbidos

Acabou a gestão do cantor, compositor e advogado Eduardo Dias, 57 anos, à frente da Secretaria Municipal de Cultura (Semcult) de Óbidos, no oeste do Pará.

Ele estava no cargo há cerca de 2 anos. O seu substituto ainda não foi oficializado pelo prefeito Chico Alfaia (PL). Dias é o segundo a deixar o cargo na atual gestão.

 

“Saio sem máculas, sem responder a nenhum processo e com a opinião pública a meu favor”, disse o ex-secretário ao Blog do Jeso. “É impiedoso trabalhar sem apoio numa secretaria onde até a água que nos é servida é de poço”.

Eduardo Dias, que tem curso de especialização em Gestão Cultural pela Ufopa (Universidade Federal do Oeste do Pará), destacou que embora sem apoio e recursos financeiros escassos para Semcult na gestão de Chico Alfaia, conseguiu dar visibilidade à pasta com inúmeras ações.

Destacou, entre elas, o projeto Geladeira Literária, a implantação dos conselhos municipais de Patrimônio Histórico e Cultural e o de Turismo, além de baixar os elevados custos do Carnapauxis em 2018, “sem que se tenha perdido a qualidade do evento e com índice zero de violência”.

Boi bumbá

“Colocamos ainda Óbidos na Feira do Livro do Baixo Amazonas pela primeira vez”, frisou, “onde aconteceu o lançamentos de 3 obras de escritores locais”.

“Aprovamos um projeto para revitalizar o boi bumbá tradicional de Óbidos, com apoio do deputado federal Edmilson Rodrigues [PSOL]”, lembou.

“Tudo isso e muito mais quase sem apoio. Saio com o dever cumprido”, lembrando que esteve em agosto em Brasília, para uma audiência pública na Câmara dos Deputados, “para falar da expressão do Carnapauxis”.

“Sou advogado, volto para ativa”, enfatizou. Ele preside a Comissão de Cultura da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) em Santarém.

— LEIA também: Tucano manda recado ao prefeito de Óbidos: ‘Não tenho medo de retaliação’

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

10 Comentários em: Sem dinheiro e apoio para Cultura em Óbidos, secretário deixa cargo após 2 anos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Antônio Rogério Souza disse:

    A atual gestão de Óbidos diz com orgulho que reduziu o investimento no carnaval. Infelizmente acabaram com o carnaval, uma vez que não se promove sem investimento. Pergunta: onde o prefeito está empregando a economia do carnaval já que em Obidos não se absolutamente nada?

  • Antonio Carlos Moutinho disse:

    Está terminando o mandato e o atual prefeito continua agindo como se estivesse iniciando o seu Desgoverno. Fala tanto em economia e quem vive aqui ou visita Óbidos, não vê onde essa economia é investida, não se vê nada, uma obra. E as pouquissímas obras que se vê, é o povo que faz. Triste realidade.

  • Sérgio Onofre disse:

    Carnapauxis é patrimônio Público, vem recurso e o péssimo gestor atual não sabe li dar com isso, por isso que clamam a volta de Jaime Silva, que tem a visão de que Cultura também é investimento, arrecadação ao município, vem gente de tudo que é cidade gastar em nossa cidade, e esse dinheiro ajuda centena de familias e melhora a economia local, Chico Alfaia é um péssimo e burro gestor.

  • Raimundo Silva disse:

    Põe secretário, tira secretário e nada presta nesse governo desastroso. O problema não está nos secretários, lamentavelmente, o problema chama-se: “FRANCISCO JOSÉ ALFAIA DE BARROS” o pior prefeito de todos os tempos de Óbidos-Pará. Enquanto os obidenses não colocarem um prefeito que seja: honesto, integro, humano, decente, lúcido, bons antecedentes, equilibrado mentalmente, ficha limpa, não pegue dinheiro de agiota e empresários para pagar com favorecimentos em licitação e etc… Óbidos nunca sairá da merda. O pior de tudo é que esse candidato ainda não apareceu e se aparecer é arriscado o povo de Óbidos não votar nele. Que Deus nos abençoe em 2020.

  • obidense disse:

    Isso chama-se: incompetência desse rapaz. Foi assim com Jaime Silva, agora com Chico Alfaia

  • jorge moraes disse:

    é isso que dá tentar fazer cultura no cú do mundo….teve mais sucesso cantando nas noites em belém e à frente do bloco de carnavall xiri relampiando

    1. JOAO BENTES DE ANDRADE disse:

      Jeso, cadê o “moderador” do site?
      Se é assim, eu posso mandar esse FDP tomar no orifício circular corrugado, localizado na parte ínfero-lombar da região glútea da genitora dele.

  • Marilene Alves disse:

    Esta Cultura pinoquiana é complicada. Rsdsd

  • Adenildo Pereira Souza disse:

    Lembrando em Óbidos só está tendo pré carnaval porque os blocos carnavalescos se juntaram e estão se esforçando para realizar. Pelo Governo e Secretario que mais uma vez deixa o cargo no meio do evento, nada estaria sendo realizado. Viva os blocos. Vaia ao Desgoverno Alfaia e Dias.

  • André de Castro Lopes disse:

    Voces conseguiram acabar não só com o Carnaval que perdeu bastante em qualidade sim por falta de investimentos, como também com outras manifestações culturais. Péssima gestão. Infelizmente votei em vocês.