Deputado bolsonarista  protocola na Alepa pedido de impeachment de Helder
Deputado Delegado Caveira, do PP, protocolou o documento hoje na Alepa. Foto: PC Carvalho

O deputado estadual Delegado Caveira (PP) protocolou na Alepa (Assembleia Legislativa do Pará) na manhã desta segunda-feira (15), segundo o site Roma News, de Belém, pedido de impeachment contra o governador do Pará, Helder Barbalho (MDB).

Bolsonarista, o parlamentar disse que iniciativa está atrelada a denúncias de irregularidades supostamente praticadas pelo governador na sua gestão.

 

“Hoje, por volta das 10 da manhã, protocolei na Assembleia Legislativa Pará pedido de impeachment contra o Governador Helder Barbalho, em razão dos crimes que estão sendo apurados pela Polícia Federal ‘Operação Para Bellum’”, disse em postagem no Twitter.

“O que mais mata no Brasil é corrupção. No governo Helder Barbalho, são várias denúncias: respiradores, cestas básicas, lanchão, jardins da cultura, garrafas pets e outros”, afirmou no vídeo em que faz elogios ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

No sábado (13), em nota de esclarecimento, Helder Barbalho rechaçou as acusações de prática de corrupção.

“O Governo do Pará tem compromisso inabalável com a ética e o bom uso das verbas públicas. Não vai tolerar desvios de conduta. Qualquer servidor que não compreender isso está sob risco de demissão imediata, sem prejuízo de ações na esfera cível e criminal”, diz a nota.

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

4 Comentários em: Deputado bolsonarista protocola na Alepa pedido de impeachment de Helder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Egle Couto disse:

    Como bem disse esse senhor: “em razão dos crimes que estão sendo APURADOS”. Não há nada provado. É muito fácil jogar pedra. Deixem o Hélder trabalhar. Não creio que ele esteja envolvido nesse fatos.

  • J. Pau nos políticos canalhas e ladrões disse:

    Primeiro é preciso provar q o Gov. Hélder está diretamente envolvido em algum ato irregular. Da minha parte, não voltando aquela família anterior que ficou anos e anos atrasando o Pará e fazendo o q bem entendessem já tá de bom tamanho.

  • Antonio Ribeiro disse:

    Volto a repetir, esse cidadão menospreza a inteligência das pessoas, o povo deu uma chance pensando que ele não era igual ao pai, mas provou que não é igual, é pior!!! Mas já estamos caminhando para 50% de mandato, custa passar mas passa, e o bode velho que nunca perdeu uma eleição no Pará, está descansando para agir na hora certa.

    1. Alfredo Moreno disse:

      As fake news não vencerão. Esse presidente irresponsável, que persegue quem dele discorda, não levará a melhor. Quem sobreviver, verá!