Rádio mais antiga da cidade entra no ar em fase experimental na faixa FM; ouça
Prédio do Grupo Ponta Negra, onde funciona a rádio e a TV. Foto: Arquivo BJ

Entrou nesta semana em fase experimental, na faixa FM, a rádio Ponta Negra, de Santarém (PA).

A emissora é do empresário Nivaldo Pereira, que também detém os direitos de transmissão das afiliadas do SBT na região do Baixo Amazonas.

 

A migração de AM para FM foi autorizada pelo Ministério das Comunicações em dezembro do ano passado, conforme o Blog do Jeso noticiou em primeira mão.

A Ponta Negra é a mais antiga da cidade. Para ouvi-la na nova faixa, basta sintonizar no dial 100.9 MHz.

Santarém abriga atualmente 3 emissoras FMs: Tapajós (94.1), Guarany (100.3) e Princesa (93.1).

LEIA também: Torre de nova rádio FM em Santarém será erguida na próxima semana

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

6 Comentários em: Rádio mais antiga da cidade entra em fase experimental na faixa FM; ouça

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Allan Lima disse:

    Agora sim uma boa rádio chegando em Santarém.

    Sem dúvida vai ser muito melhor.

    Aguardando a estreia!!!

  • Alfredo Seixas disse:

    Eu passei pela antiga rádio Clube , que mudou para Planice, na Rua Galdino Veloso, empreendimento que pertencia ao Dr. Armando, casa que trabalhei com o Peninha Povão, e, posteriormente a emissora mudou de proprietário, de endereço e de nome (Ponta Negra). Essa emissora faz história na radiodifusão no Município de Santarém e região, estive por lá também, com o aval do saudoso radialista e narrador esportivo Luiz Carlos Cantanhede. Mais Sucesso à rádio Ponta Negra, agora nessa nova fase, FM 100,9 MHz, Parabéns ao empreendedor Nivaldo Pereira e a toda equipe da emissora!

  • Mario disse:

    Não escuto mais nenhuma FM de Santarém, é impossível com essas imundícies que infestaram as rádios de Santarém, é uma pandemia de pizzero, setanojo universitário e forró mobral, o que nos salva são as rádios pela Internet.

  • Élvio Junior disse:

    Desejo sucesso no novo empreendimento.

  • Edson lopes disse:

    Vou ouvir um pouco aqui de sp pelo app.Ainda não sei qual a programação.

  • Carlos Alberto disse:

    Emissora decadente e parcial, o melhor é vender pra um grupo que saiba explorar de forma profissional.