Cubanos estão na
Médicos cubanos em Santarém: na elite da folha de pagamento do município. Foto: Reprodução

Médicos cubanos fazem parte da “elite” da folha de pagamento da Prefeitura de Santarém (PA). Estão entre os 61 servidores municipais que recebem acima de 10 mil reais.

O topo da pirâmide é ocupado pelos 8 auditores fiscais, cujo salário varia de R$ 21,5 mil a R$ 32,4 mil.

 

O único que faz parte do topo e não é auditor é o prefeito Nélio Aguiar (DEM), que no mês de abril recebeu salário de R$ 26,7 mil dos cofres públicos.

O salário de todos os servidores está disponível no Portal da Transparência.

— LEIA também: Ministério da Saúde tira do ar nota que orientava médicos sobre uso da cloroquina

76 médicos, entre os quais 10 veterinários, prestam serviço ao município. Cerca de 20 do total são de origem cubana. Eles trabalham com dedicação exclusiva.

No geral, esses profissionais receberam em abril entre R$ 2,6 mil – uma veterinária lotada na Agricultura (Semap), Mayara Liberal Rego – e R$ 16,2 mil, a médica cubana Solnier Rodriguez, lotada a UBS (Unidade Básica de Saúde) da comunidade ribeirinha de Parauá, na região do Tapajós.


Assine e participe, comente no canal do Blog do Jeso no Telegram

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

Um comentário em: Cubanos estão na “elite” da folha de pagamento da Prefeitura de Santarém

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • João Costa disse:

    Mas os médicos não costumam gostar de trabalhar no interriozão. Os trabalhadores cubanos merecem e fazem jus aos seus salários sim e de acordo com a CF não podem ser discriminados.