No blog Radar Online, de Lauro Jardim:

Para entrar na academia do FBI, um candidato a agente especial enfrenta 21 semanas de duros testes físicos e de conhecimentos, que vão do sistema legal à noções de química e biologia. Se aprovado, sai ganhando por ano 51 000 dólares.

Agora, se este agente for bom mesmo, faz concurso para perito da PF brasileira. Ao passar no concurso sai ganhando um total de 177 794 reais ao ano — ou 88 900 dólares.

Mas os peritos da PF acham esse salário tão mixuruca que estão em greve. Querem ganhar 71% de aumento. Pobres americanos…

Leia também:
PF no encalço de Maia.
PF proíbe arma com munição em aeronaves.
Delegada da PF processa presidente do PDT
.

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

18 Comentários em: FBI e PF: abismo salarial

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Curica disse:

    As análises devem ser feitas, mas sem paixões, devem ser frias e sensatas.

    Quem diz que é uma vergonha os servidores não quererem trabalhar está totalmente equivocado, claro que existem preguiçosos, mas em todo lugar existe, o fato de passarem por exames para aprovação, já é um sinal de disposição dessas pessoas em servirem ao público, pois são pessoas que dedicam muitas horas de lazer e afastamento da família para serem aprovados em tais concursos.

    Quanto ao salário, não se deve analisar números absolutos, a análise deve ser relativa, pois com U$ 80.000,00 nos EUA você tem um poder de compra muito maior do que aqui. Um carro que aqui custa R$ 70.000,00, lá custa menos de R$ 40.000,00. Então não façamos comparações entre os salários dos brasileiros em relação aos salários americanos, sob pena de sermos levianos.

    Nota: Nossos policiais federais, assim como nossos militares nada deixam a desejar aos americanos, podemos até ser pior equipados, mas em relação aos recursos humanos estamos tão bem ou melhor, pois como regra nossos servidores sempre se destacam quando atuam juntos com outras policias do exterior, sejam americanos, europeus, israelenses ou seja lá quem for.

    1. Rei de Roma disse:

      quem passa em concurso público, pensa em tudo, menos em servir ao público

      1. Plebe Rude disse:

        Todo mundo fala a partir dos seus próprios referenciais, creio que tua mãe e teu pai tem um pouco de participação nestas asneira que tu falas.

    2. TKS disse:

      Ninguém tem culpa se o GÊNIO americano, só pensa em criar empresas para melhorar o rumo da humanidade, já o GÊNIO brasileiro, só pensa em estudar para passar em um concurso público!

  • Eu disse:

    A Polícia Civil também como Polícia Judiciária( Estadual), que em certa ocasiões, atua supletivamente com atribuições da PF(nos casos da eleições) também poderiam ter melhores salários, e também por várias operações importantes que as delegaicias especializadas realizam. Além disso, as Polícias Militares também deveriam ganhar melhor, pois, diuturnamente estão realizando policiamento ostensivo e servindo a sociedade 24 hs.É o que penso!

  • Observador disse:

    A PF tem que ganhar mais que o FBI mesmo, afinal de contas aqui no Brasil tem muito mais político ladrão do que lá pra prender. E lá também tem educação, transporte, segurança etc. de qualidade. Quem faz a crítica, gostaria de ser servidor público federal, mas não consegue passar em concurso. Como não passa, espera um político ladrão montar um esquema de corrupção para poder entrar nele ou vai ganhar um salário mínimo miserável que é o nosso no Brasil.

    1. Anônimo disse:

      Pura verdade, o sujeito não é competente para entrar pela porta da frente, então fica falando esse tipo de disparate.

  • João Renato Aires De Mendonça disse:

    Disparate!

  • Cidadão disse:

    Nos editais esta expresso tudo, quando o cabra faz e passa esta consciente do que o espera, sou contra greve no serviço público, se não esta satisfeito, pede pra sair. Há milhares de brasileiro querendo a vaga.
    Porrada neles Dilma.
    Bando de vadios, recebem sem trabalhar, e quando trabalham é com má vontade e pessimo atendimento. sofui bem atendido em repartição pública, municipal estadual e federal, quando fui atendido por algum conhecido.

  • pauxiara disse:

    A UFOPA, com toda certeza, vai no caminho de se tornar uma entidade vergonha para nos contribuintes: é greve em cima de greve… acham que nada deve à sociedade…

  • José Pulitzer disse:

    Sugere-se que o Governo submeta a concessão de aumento aos servidores à consulta pública. Veriam que quem os paga (nós), e por vezes é vilipendiado por eles, não aprova estes aumentos. Apenas concordam com eles o reduto de seus familiares.

  • Rei de Roma disse:

    Tem funcionário público que pensa unicamente no saldo finançeiro do final do mês. Não produzem, chegam e saem na hora que bem entendem, em oportunidades de greves viajam para fora do estado… e ainda querem ganhar bem mais e mais e mais… Isso tudo é verdade, pois ja fui estagiário em repartiçao pública. Estes deveriam ser exonerados, mas como nao tem patrão…

    1. Cássio disse:

      Contudo, a privatização, não é a solução.

  • João Salinas disse:

    Uma vergonha a conduta do funcionário público brasileiro, que só faz esforço para passar no concurso, depois esquece que tem que trabalhar.

  • Cássio disse:

    A questão da greve, não se resume ao aumento no vencimento, também é uma situação em comum às demais categorias dos SPF paralisadas: melhores condições de trabalho e entre outras reivindicações, que a Sociedade está muito bem informada, vide a exigência de cada categoria. Infelizmente, existem pessoas dispostas a distorcer o real motivo dos trabalhadores em exigir do governo, o que a Classe Trabalhadora em direito, pode fazer.

    1. Anônimo disse:

      Bem lúcido este post, não se limitou a reclamação que reproduz a gritaria dos grandes meios de comunicação. Tenho notado que há muito enfoque em determinadas categorias, mas de forma enviesada, com nítida intensão de desqualificar as reivindicações dos funcionários púbicos. Vale lembrar que são mais de 30 categorias em greve, a grande maioria tem razão nas suas reivindicações.

  • Rei de Roma disse:

    É tal história: acho que “Ele” ganha demais. Mas se posso ganhar o mesmo ou até mais, faço até greve de fome por isso. Dinheiro, para o homem nunca é suficiente

  • anonimo disse:

    jeso a mesma coisa estar acontecendo no INCRA de santarem,, trabalhei 35 anos e me aposentei, so que vejo agora nesta greve e que tem 4 funcionarios que tomaram posse ha 60 dias, e aceitaram o salario, ao deflagrar a greve foram os primeiros a dar a cara para a greve, nao trabalharam nenhum dia e ja estao em greve remunrada a dois meses, tem que mudar o sistema de councurso , tem que r ser regionalizado , pois estas pessoas vem de outros estados so ficam dois anos e vao embora, enquanto isto os assentados estao com pires na mao e nada, acho que a melhor saida para o incra de santarem seria seu fechamento , ai ficava so como unidade avancada e so gente da regiao , e estes preguicosos voltariam para os seus estados de origem, vamos bater nesta TECLA OK