Pará deve receber 50 mil turistas neste ano para o Círio de Nazaré

Publicado em por em Pará, Turismo

Pará deve receber 50 mil turistas neste ano para o Círio de Nazaré
O Círio de Nazaré, em Belém, é uma das maiores manifestações religiosas do país. Foto: Reprodução

O Pará deve receber cerca de 50 mil turistas nacionais e internacionais na edição do Círio de Nazaré 2022, com estimativa de gasto médio desses turistas no montante de US$ 19,1 milhões em receitas para o estado.

Os dados foram divulgados pela Secretaria de Estado de Turismo (Setur) e Dieese-PA durante apresentação da Pesquisa do Perfil do Turista do Círio, na sexta-feira (9), no auditório Dom Vicente Zico, no Centro Social de Nazaré, em Belém.

Tanto o número de turistas quanto a receita gerada representam um crescimento superior a 66% na comparação com os dados obtidos em 2021, apontando um cenário de retomada da festividade.

Os estados de São Paulo (12,75%), Maranhão (12,21%), Ceará (11,67%), Rio de Janeiro (8,41%) e Amazonas (6,51%) são os cinco principais emissores de turistas para o evento cultural e religioso.

A pesquisa sinalizou ainda que mais de 78% dos turistas do Círio possuem menos de 50 anos, mais de 80% recebem entre 1 e 8 salários mínimos, das mais diferentes profissões, como professores, médicos, engenheiros, empresários, advogados, autônomos e comerciantes, dentre outros.

Quanto à hospedagem, a maioria dos visitantes prefere ficar em hotéis (46,79%), casa de parentes (30,37%) e casa de amigos (16,55%).

Já o meio de transporte predominante é o avião com 79,29%, seguido por ônibus de empresas com 11,58% e automóveis particulares com 5,86%.

Com informações da Agência Pará

  • JC também está no Telegram. Siga-nos e leia notícias, veja vídeos e muito mais.


Publicado por:

Uma comentário para

  • muito pouco turistas.. a Oktober Fest recebe mais de um milhão de turistas para apenas encher a cara e sair mijando pela cidade além de empestiarem o ar com gazes provenientes da má digestão dos chucrutes com repolho e cebola (ARRRRRFGH )

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *