Em Rurópolis, pai e filho, ambos ex-prefeitos, devem ter o mesmo destino político, a inelegibilidade

Filho deve seguir os passos do pai rumo à inelegibilidade política, Pablo e João Paulo GenuínoZé Paulo e Pablo Genuíno, devem rumar abraçados a inelegibilidade política

 

por Jeso Carneiro (*)

O tucano esnoba.

Até hoje, passados 134 dias desde que deixou o cargo de prefeito de Rurópolis, Pablo Genuíno ainda não protocolou no TCM (Tribunal de Contas dos Municípios) as prestações de contas relativa aos exercícios financeiros de 2015 e 2016.

Leia também
Nepotismo top em Itaituba: coordenador do Procon é sobrinho do vice-prefeito

Consulta recente feita pela Câmara de Vereadores de Rurópolis junto ao TCM constatou a pendência. No Ler Mais, abaixo, veja cópia do documento.

Pablo dirigiu o município de 2013 a 2016.

Tentou a reeleição, mas as urnas o rechaçaram com quase 68% dos votos dados para oposição.

Parece que o destino político do jovem tucano será igualzinho ao reservado ao pai, também ex-prefeito do município: a inelegibilidade por contas reprovadas.

José Paulo Genuíno (2000-2014) conseguiu a façanha de ter todas as suas contas reprovadas no TCM, além de ser réu em quase 30 dezenas de processos ligados à sua ruinosa e desastrada gestão.

certidão tcm - Rurópolis
– – – – – – – – – – – – – – – – – – –

* É o editor do Blog do Jeso.

  • 62
    Shares

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

3 Comentários em: Filho deve seguir os passos do pai rumo à inelegibilidade política

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Fael disse:

    Concordo com vc amigo cadeia e pouco entrou para prefeitura pobre e saiu rico

  • Marcos Paulo disse:

    Inegibilidade é pouco. O mínimo seria a devolução dos valores, corrigidos, é claro, e uma bela temporada na cadeia pro meliante!
    Enquanto isso não for regrado, devidamente, quem paga é a sociedade…!!!

  • Fael disse:

    Rurópolis fica livre desse moço e a melhor coisa que Rurópolis ganha isto é um presente