Candidaturas brotam em Belterra por conta de provável nova eleição para prefeito
Palácio das Seringueiras, sede do Poder Executivo de Belterra: perspectiva de uma nova eleição para prefeito neste ano. Foto: Arquivo BJ

Candidaturas a prefeito de Belterra começaram a brotar no solo do pequeno município (cerca de 18 mil habitantes) da Região Metropolitana de Santarém (PA) ante a possibilidade de uma nova eleição para prefeito.

Conforme o BJ (Blog do Jeso) noticiou em primeira mão no sábado (15), o mandato sub judice do atual prefeito Dr. Macêdo (DEM), reeleito nas urnas em 2020, subiu para o Supremo Tribunal Federal (STF). A mais alta corte de Justiça do país dará a palavra final sobre a legalidade ou não da posse do médico no cargo em janeiro deste ano.

 

Se o STF entender que está configurado o 3º mandato consecutivo do democrata, haverá uma nova eleição para prefeito. Com previsão de ser realizada em agosto deste ano.

Por conta disso, candidaturas voltaram a ser rearticuladas em Belterra. Como a do atual vice-prefeito, Ulisses Medeiros (PSC) e a do ex-vereador Tinen (PT), 2º colocado na disputa no ano passado, quando obteve quase 23% dos votos.

O PTB também entrou no aquecimento.

Pretende lançar o ex-vereador Braga dos Povos, que desde janeiro está filiado ao partido e deve assumir a direção da sigla nos próximos dias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *