Procuradora da República ajuíza ação contra ex-prefeito de Itaituba por desvio de recursos

A procuradora da República Janaina Andrade de Sousa ofereceu denúncia na Justiça Federal contra o ex-prefeito de Itaituba Valmir Climaco [foto], do PMDB, e outras 5 pessoas, acusadas de desviar recursos de convênio firmado entre a prefeitura e o Fundo Nacional de Desenvolvimento para a Educação, FNDE. A informação é do jornalista Evandro Correa, em seu blog.

De acordo com a denúncia, Walmir Climaco não cumpriu um termo de compromisso firmado com o Governo Federal no período em que esteve a frente do Executivo municipal, sendo que foram detectadas fraudes no repasse de verbas para a construção de cinco creches no município.

Leia também – PSC de Santarém perde Geovani Aguiar; vereador vai para o PTN.

Os outros denunciados são Iraci do Socorro Miranda Carvalho, ex-tesoureira da prefeitura, André Judilson Lobato Lopes, Paulo Alexandre Gomes Fernandes, empresário, Mário José de Miranda e Wagner Shigueiro Saita Mesquita, ex-genro de Walmir Climaco.

A procuradora afirma na denúncia que “restou provado que os depósitos feitos para a empresa lobato e Araújo Comercio e Serviços Ltda, por obras não realizadas, foram feitos pela tesoureira Iraci Carvalho, com a devida autorização do então prefeito Valmir Climaco”.

Na ação, a procuradora pede a condenação de todos os envolvidos nas fraudes e o ressarcimento aos cofres públicos no valor de R$ 1.240.616,29, acrescidos de juros e correção monetária.

Essa é a sétima ação que tramita na Justiça Federal contra o ex-prefeito Walmir Climaco. Em uma delas, o ex-gestor é acusado de desmatar ilegalmente 746 hectares de terra em área de preservação.

  • 3
    Shares

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *