AGU manda investigar jornalista que culpa PT por enchente no RS

Publicado em por em Justiça, Política

AGU manda investigar jornalista que culpa PT por enchente no RS
Alexandre Garcia, jornalista: na mira da AGU por suposta propagação de fake news. Foto: Reprodução

O titular da AGU (Advocacia Geral da União), Jorge Messias, disse na noite deste domingo (10) ter determinado que a Procuradoria Nacional de Defesa da Democracia faça “a imediata instauração de procedimento contra a campanha de desinformação” promovida pelo jornalista Alexandre Garcia sobre as consequências das chuvas no Rio Grande do Sul.

No programa “Oeste Sem Filtro”, da Revista Oeste, na sexta-feira (8), Garcia disse ser “preciso investigar, porque não foi só a chuva” que causou enchentes no estado e a morte de pelo menos 46 pessoas.

Segundo o jornalista, “no governo petista foram construídas, ao contrário do que recomendavam as medições ambientais, 3 represas pequenas, que aparentemente abriram as comportas ao mesmo tempo. Isso causou uma enxurrada”.

Em post no X (antigo Twitter), Messias disse ser “inaceitável que, nesse momento de profunda dor, tenhamos que lidar com informações falsas”.

Meteorologia

Em seu último boletim, divulgado às 18h30 de domingo (10), a Defesa Civil do Rio Grande do Sul informou que subiu para 46 o número de mortes causadas pelo ciclone extratropical que passou por diversas cidades do estado na última semana. 

O número de desaparecidos continua em 46, sendo 30 em Muçum, 8 em Lajeado e 8 em Arroio do Meio.

As fortes chuvas atingem o Rio Grande do Sul e também cidades de Santa Catarina desde 3 de setembro. Ao longo da semana, foram 93 municípios afetados, que somam 4.794 desabrigados e 20.490 desalojados.

Com informações do portal Poder360

— O JC também está no Telegram. Siga-nos e leia notícias, veja vídeos e muito mais.


Publicado por:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *