MPF denuncia ao MP do Pará ausência de água tratada em Uruará

Publicado em por em Justiça, Pará

MPF denuncia ao MP do Pará ausência de água tratada em Uruará
Vista aérea de Uruará, no oeste do Para. Foto: Lalo de Almeida/Reprodução

Uma denúncia VIP pousou na terça-feira (19) à mesa do nº 1 da Promotoria de Justiça de Uruará, oeste do Pará, Luciano Augusto Araújo da Costa.

O documento assinado pelo MPF (Ministério Público Federal) aponta risco à saúde da população devido a ausência de abastecimento de água tratada e rede de esgotos nos diversos bairros da cidade.

Ato contínuo, o promotor determinou abertura de procedimento (notícia de fato, no jargão do órgão ministerial) para apurar o caso.

Segundo o MPF, sem água tratada, os moradores estão expostos “a diversas doenças”. O prefeito Gilsinho Brandão (MDB), reeleito em 2020 com quase 70% dos votos, deve ser acionado pelo Ministério Público do Pará.

O serviço público de abastecimento de água em Uruará é de responsabilidade do município.


Publicado por:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.