Novo lidera arrecadação de recursos na internet para campanha eleitoral, Amoedo

João Amoedo, presidente do Novo

João Amoêdo, do partido Novo, é o líder da arrecadação por crowdfunding (vaquinha virtual), via internet. Seguido por Manuela D’Ávila, pré-candidata à Presidência da República pelo PCdoB. É o que informa O Globo.

O limite de doação para pessoa física é de R$ 1.064,10 e o valor não pode ultrapassar 10% da renda bruta registrada no imposto de renda.

Na primeira semana em que a doação é legal, Amoêdo já levantou R$ 80,3 mil que vieram de 607 pessoas. Manuela D’Ávila arrecadou R$ 34,6 mil.

Em terceiro, Álvaro Dias, do Podemos, levantou mil reais.

Numa campanha em que a arrecadação é limitada, os outros candidatos aparentemente não estão preocupados em promover o financiamento coletivo.

O prazo para que candidatos e partidos captem recursos na rede vai até 5 de outubro.

Os candidatos e partidos devem escolher entre 20 sites registrados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para receber as doações. O sistema foi aprovado na minirreforma eleitoral em 2015 e será testado pela primeira vez.

A performance do Novo se explica porque o partido decidiu não usar recursos públicos dos fundos partidário e eleitoral e já tinha experiência em captar doações voluntárias. Com a vaquinha virtual, a sigla conseguiu uma reserva extra de cerca de R$ 300 mil para a campanha.

brasil/atras-nas-pesquisas-manuela-davila-joao-amoedo-lideram-arrecadacao-na-internet-22700970?utm_source=meio&utm_medium=email" target="_blank" rel="noopener">Neste link, a íntegra da matéria.

Leia também:
Juiz obriga Rurópolis a realizar concurso público. “Faremos”, garante o prefeito

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *