Publicado em por em Saúde

O pedido tem relação com a falta de oxigênio nos hospitais de Manaus

Covid-19: Governo do AM pede cilindros de oxigênio de fábricas da Zona Franca
Há escassez de oxigênio para tratamento de covid-19 em Manaus (AM). Foto: Reuters/Bruno Kelly

O secretário de Saúde do Amazonas, Marcellus José Barroso Campêlo, assinou no início da tarde desta quinta-feira (14) uma requisição administrativa dos estoques ou da produção de oxigênio de uma série de empresas com fábricas localizadas em Manaus, boa parte delas na Zona Franca da cidade. A informação é de Ancelmo Gois, de O Globo.

Na lista estão marcas como, segundo o jornalista, Caloi, Electrolux, Whirlpool (responsável pela produção de eletrodomésticos, casos de Brastemp e Consul), Honda, entre outras.

 

O pedido tem relação com a falta de oxigênio nos hospitais de Manaus e a necessidade do atendimento dos pacientes com Covid-19.

→ LEIA também: Entra em vigor decreto que proíbe entrada de embarcações do AM no Pará; leia

“O secretário informa ainda que a requisição irá durar o tempo necessário para a normalização do atendimento. Após dez dias, o estado promete instaurar processo administrativo para apurar eventual indenização a ser paga às companhias”, noticiou Gois.


📹 Assine o canal do Blog do Jeso no Youtube, e assista a dezenas e dezenas de vídeos.


Publicado por:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.