Santarém deve atingir a marca de 1000 mortes por covid-19 daqui a 10 dias
Mortos por covid-19 em Santarém: perto da marca dos 1 mil. Foto: Reprodução

Terceira maior cidade do Pará, depois de Belém e Ananindeua, Santarém deve atingir a marca de 1000 pessoas mortas por covid-19, desde o início da pandemia, daqui a 10 ou 11 dias.

A previsão é de um pesquisador que trabalha com a doença e monitora a presença do vírus Sars-Cov-2 na região oeste do Pará.

 

Nesta quarta (5), o município computou 17.785 pessoas infectadas pelo coronavírus, das quais 5,4% (966) não resistiram à infecção viral e faleceram.

De acordo com o pesquisador consultado pelo BJ (Blog do Jeso), a média de mortes por semana em Santarém é, hoje, de cerca de 26 pessoas por semana – entre 3 a 4 por dia.

No dia 16 ou 17, mantendo-se essa média, a cidade deve alcançar 1000 mortes pelo vírus, prevê o pesquisador.

Entre o 1º registro oficial de óbito por covid-19, no dia 1º de março de 2020, e o registro de 500 mortes passaram-se 331 dias – cerca de 11 meses. O intervalo entre 502 e 1000 pacientes mortos é muito menor: 111 dias ou cerca de 4 meses.

— LEITOS de UTI: Pará atinge a menor taxa de ocupação de UTIs desde o pico da 2ª onda da covid-19

Nesta quarta, 5, Santarém somou 17.785 pessoas infectadas pelo coronavírus

Assine e participe, comente no canal do Blog do Jeso no Telegram

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *