Não está no gibi

No laboratório
do Mocinho buscam
a fórmula da Bomba atômica
para pôr fim à guerra.

No laboratório
do Bandido trabalha
o sinistro Dr. Silvana
dando armas poderosas ao Crime.

O Super-Homem dá combate
sem tréguas
ao cientista do Mal.
Quem vai se opor
ao cientista do Bem?

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

De Silvano Santiago, poeta brasileiro.

Leia também:
Ah, Os relógios!, de Mário Quintana.
Percepções, de Álvaro Pacheco.
Alta tensão, Bruna Lombardi.
Serviço Consular, Érico Veríssimo.
Por que mentias?, de Álvares de Azevedo.
Uma arte, de Elizabeth Bishop.
Amaroamar, de Lélia Coelho Frota.

  • 1
    Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *