Depois da saída do estadual, a degola do nacional.

O PSL, que jogou a toalha de sua participação no pleito eleitoral deste ano na lona, acaba ter ter a sua candidatura à Presidência da República indeferida.

O voo de Américo Souza, o candidato do partido, foi terra.com.br/eleicoes/2010/noticias/0,,OI4567442-EI15315,00-TSE+nega+candidatura+a+presidencia+de+Americo+Souza+do+PSL.html" target="_blank">abortada pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral), por “”ausência da ata do PSL que teria deliberado em favor de sua escolha como candidato ao cargo de Presidente da República”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *