Juiz mantém condenação de prefeito, que recorre ao TRE para se livrar de multa de R$ 30 mil
Josino Filho, do PP: recurso ao TRE do Pará. Foto: Divulgação/PMA

O juiz eleitoral Flávio Oliveira Lauande manteve a condenação do prefeito de Alenquer (PA), Josino Filho (PP), candidato à reeleição, por propaganda eleitoral antecipada no Facebook, em sentença proferida no último dia 19.

“Reanalisando a sentença prolatada, entendo que não há qualquer razão para reforma. Todos os pontos recorridos pelas partes foram apreciados em sentença. Mantenho a sentença”, despachou o magistrado na terça-feira (6).

 

Josino Filho foi condenado a pagamento de multa de R$ 30 mil pelo crime eleitoral cometido.

A representação contra o gestor alenquerense foi movida pelo PL (Partido Liberal) e teve o parecer favorável do MPE (Ministério Público Eleitoral), assinado pelo promotor Diego Libardi Rodrigues.

O caso agora será julgado novamente pelo TRE (Tribunal Regional Eleitoral), em Belém.

LEIA também: Juiz absolve blog da acusação de fake news. “A matéria não é mentirosa”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *