Advogado do MDB em dois 7 a 0 no TRE é o mesmo que perdeu no TSE em Brasília
Sidney Neves, baiano advogando para o MDB no Pará. Foto: Divulgação

Baiano de Itabuna, o advogado Sidney Sá das Neves foi quem conseguiu reverter à unanimidade (7 a 0) no TRE-PA (Tribunal Regional Eleitoral do Pará) a pena de exclusão aplicada em 1ª instância ao MDB nas eleições deste ano nos municípios paraenses de Santo Antônio de Tauá e Juruti.

No TSE (Tribunal Superior Eleitoral), porém, o advogado voltou a experimentar o sabor da derrota, com a decisão monocrática do ministro Alexandre Morais de indeferir o registro de candidatura do partido em Santo Antônio de Tauá.

 

É para o TSE que o caso de Juruti, onde a emedebista Dona Lucília Batista venceu a disputar para prefeitura por 48,56% dos votos, deverá desaguar nos próximos dias depois dos 7 a 0 no TRE.

Se ganhar em Brasília, Lucídia será oficializada prefeita com diplomação até o dia 18 e posse no dia 1º de janeiro de 2021.

Se perder, haverá nova eleição para o cargo em Juruti.

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

4 Comentários em: Advogado do MDB em dois 7 a 0 no TRE é o mesmo que perdeu no TSE em Brasília

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *