Oposição ganha presidência da Câmara em Juruti, Óbidos e Oriximiná; em Rurópolis, MDB vence
Anderson do Posto (com microfone), presidirá a Câmara de Rurópolis por mais 2 anos. Foto: Divulgação/Arquivo Blog do Jeso

Políticos que apoiaram candidatos a prefeito derrotados na eleição deste ano venceram a disputa pela presidência da Câmara de Vereadores em Juruti, Óbidos e Oriximiná – todos na Calha Norte do Pará. Em Curuá, a oposição também venceu.

A eleição para o cargo foi realizada pouco depois da posse dos vereadores, nesta sexta-feira (dia 1º). E antes da posse do prefeito eleito.

 

Em Rurópolis, quem ganhou foi o candidato apoiado pelo prefeito reeleito Taká Padilha (MDB), o também emedebista Anderson do Posto, bicampeão de votos para vereador no município – em 2016 e 2020. O novo vice-presidente eleito para Câmara foi Sérgio Ribeiro (MDB).

Os demais ocupantes eleitos para a Mesa Diretora foram Ismael do Salão (PT) e Guto Touta (PSC), primeiro e segundo secretários, respectivamente.

Em Santarém, o candidato do prefeito reeleito Nélio Aguiar (DEM) também foi eleito para presidência da Câmara: Ronan Liberal Jr. (MDB).

Confira os opositores que irão dirigir o parlamento nos próximos 2 anos (2021-2022):

 

Óbidos

Vereador Jalico Aquino (PL), o mais votado para o cargo na eleição deste ano.

Oriximiná

Marcelo Andrade (PSDB), o 2º mais votado para o cargo na eleição deste ano.

Juruti

Francinei Andrade (PT), o 2º mais votado para o cargo na eleição deste ano.

Curuá

Jose do Óleo (Republicanos), o 7º mais votado para vereador neste ano no município.

LEIA também: Câmara de Belterra volta a eleger mulher à presidência da Casa; prefeito toma posse

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *