Blog do Jeso


Exibir no Slide

Prédio com apartamento de R$ 1 milhão em área nobre da cidade invade calçada

O Ministério Público abriu inquérito contra a R. Branco no ano passado. A Seminfra não embargou a obra até hoje

Prédio com apartamento de R$ 1 milhão em área nobre da cidade invade calçada, Plaza de Viena, SantarémO Plaza de Viena foi inaugurado há poucos dias

 
Um dos mais altos prédios residenciais de Santarém, com 25 andares e apartamento de até 1 milhão de reais, localizado em área nobre da cidade e inaugurado há poucos dias, tem os pés de barro. O MP (Ministério Público) do Pará está no calcanhar da construtora responsável pela obra.

Localizado na parte mais alta da avenida Barão do Rio Branco, o imponente Plaza de Viena foi construído sobre área pública, em desacordo com o projeto original, conforme consta nos autos de um inquérito civil em tramitação desde o ano passado na 11ª Procuradoria de Justiça Cível, do MP em Santarém.

A construtora R. Branco, responsável pela obra, responde por crime de invasão de área pública (calçada). Ela chegou a ser autuada em no final de 2016 pela Prefeitura de Santarém, através da Seminfra ( Secretaria Municipal de Infraestrutura), mas a irregularidade persiste.

Casa de shows

Na semana passada, em uma ação de fiscalização similar (poluição sonora) e também por solicitação do MP, a Semma (Secretaria Municipal de Meio Ambiente) agiu rápido: proibiu a execução de músicas ao vivo e eletrônica numa casa de shows e bar localizado no distrito balneário de Alter do Chão.

Prédio com apartamento de R$ 1 milhão em área nobre da cidade invade calçada, Plaza de Viena, SantarémA calçada foi engolida pelo Plaza de Viena em cerca de 1 metro, segundo o MP

Ler mais

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Videos
Canal direto
Canal Diteto
Twitter


Colunistas
Sites e blogs
Publicidade