Blog do Jeso

Perfil

Prefeito diz que vereadora eleita tem perfil para receber Bolsa Família

Wal dos Anjos é do PSD, partido de Marcílio Picanço. Ela mora em casa próximo ao centro de Terra Santa

Prefeito diz que vereadora eleita tem perfil para receber Bolsa Família, Marcílio e Wal dos AnjosMarcílio Picanço e a vistosa Wal dos Anjos

O prefeito Marcílio Picanço não enxerga problema e muito menos fraude no fato da vereadora eleita Wal dos Anjos (PSD) ser uma das beneficiárias do programa Bolsa Família no município de Terra Santa.

O Blog do Jeso noticiou ontem, 27, que Wal recebe salário de R$ 230,00 por mês do Bolsa Família. Informação que consta na sentença do juiz Caio Berardo sobre a prestação de contas de campanha da campeã de votos terrasantense neste ano. Neste link, leia a íntegra da sentença.

Leia também
Irmã de empresário, vereadora mais votada de Terra Santa recebe Bolsa Família

“Até onde sei ela não tem renda e não é empregada em nada”, disse Picanço ao blog.

“Ou seja, [Wal dos Anjos] tem perfil do Bolsa Família. A partir do momento que a mesma assumir o cargo [de vereadora, no próximo dia 1º], caso ela não faça, provavelmente a Secretaria de Trabalho e Promoção Social, que controla o cadastro único, deve desligá-la automaticamente”.

Ler mais

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Um gentlman no IHGP

 Um gentlman no IHGP,Antônio José de Mattos Neto e o presidente da oabAntônio Mattos Neto (à esq.) e Marcos Vinícius Coelho

por Célio Simões (*)

Discurso de saudação proferido na sessão solene realizada dia 01/11/2016 na sede da Academia Paraense de Letras, em Belém, por ocasião da posse de Antônio José de Mattos Neto, na cadeira n.º 57

A ascendência ilustre não credencia ninguém a ingressar nos quadros do IHGP [Instituto Histórico e Geográfico do Pará]. Entretanto, esta circunstância da ancestralidade honrosa ganha especial relevância quando, além dela, o pretendente tem méritos próprios, afinidade com a cultura, possui trabalhos ligados à história, à geografia e à antropologia, sem prejuízo de envergadura moral, caráter impoluto, honra intangível e assume o compromisso de oferecer à sociedade o melhor de sua produção intelectual.

Este é o caso de Antônio José de Mattos Neto, cujo respeitável currículo o habilita com sobras a integrar o nosso Sodalício, seja pelas suas titulações acadêmicas ou pelo conjunto da sua extensa obra, uma das quais, convém frisar, versa sobre a história da nossa cidade nos faustos da borracha, o que vem ao encontro dos objetivos que inspiram e até denominam o IHGP.

Conquanto o empossado, pela sua notoriedade, dispense apresentações, o farei para seguir a praxe, e para enfatizar o quanto ele poderá acrescer à Casa que o acolhe, em especial nesta auspiciosa fase de expansão de seus quadros e afirmação institucional que atravessa.

O novo sócio nasceu em 23/03/1958 em Belém do Pará, terra que aprendeu a amar sem reservas e desde cedo revelou pendores como cronista, poeta, monografista e romancista.

Ler mais

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Infarto mata assessor jurídico do prefeito eleito de Rurópolis

André Mota trabalhou na campanha do prefeito eleito Joselino Padilha, o Taká, do PMDB

Infarto mata assessor jurídico do prefeito eleito de Rurópolis, foto de André Mota, advogadoAndré Mota era santareno e tinha 46 anos

Vítima de infarto fulminante, enquanto dormia, morreu o advogado André Luiz Correa Mota, 46 anos. Ele trabalhava nos últimos meses na assessoria jurídica do prefeito eleito de Rurópolis, Joselino Padilha, o Taká, do PMDB.

O ataque cardíaco ocorreu provavelmente na madrugada de ontem, 31.

Leia também – Giro pelo Pará. Indígenas bloqueiam a Transamazônica e a BR-222.

André Mota estava em sua residência em Santarém.

Santareno, era filho de Antonio Jorge e Ruth Correa Mota. Solteiro, deixa órfã uma filha, a advogada Aliel Caroline.

Ler mais

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

“Juizeco” é amazonense, blogueiro, poeta e avesso a entrevistas

Vallisney Oliveira, juiz federal, foi quem deu sinal verde para operação Métis, da PF, dentro do Senado

É do Amazonas, da cidade de Benjamin Constant, o “juizeco”, assim tachado senador Renan Calheiros, presidente do Senado, Vallisney de Souza Oliveira [foto], 51 anos, o titular da 10ª Vara Federal do DF que deu sinal verde para operação da PF no Senado que resultou na prisão de quatro membros da Polícia Legislativa.

Vallisney é também blogueiro e poeta.

Além de avesso a entrevistas.

Ler mais

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Pós-doutor, galã e solteiro, por quê? “Meu cupido é vesgo”

Pós-doutor, galã e solteiro, por quê? “Meu cupido é vesgo”, Ergos Couto

por Núbia Pereira

Ele é tipo galã…arranca suspiros por onde passa. É bem sucedido, educado, gentil, um gentleman… Nas veias, corre sangue de arigó com mocoronga. Já viajou o mundo e carrega na bagagem experiências incríveis. No amor, é um homem de sor… Ops!

“O meu cupido é vesgo”.

Ah, é no jogo que ele tem a bendita sor…
Oopssssss2

“Não ganho nada em bingos, sorteios, jogos de carta, nem dominó…kkkkkkkkk”.

Ai aiai… Difícil assim, hein? Ainda bem que existe o futebol. Então, continuando…É no futebol que ele compensa tudo…Peraí…nem no futebol?

“Só ganho uma partida de futebol se me esforçar bastante…kkkk”.

Deu pra notar que ele é bem modesto, né? Quem é eleeeeeeeeeeeeeee??? Hergos Ritor Fróes de Couto, 43 anos… um colírio para os olhos. rsrs Ok, ok, o nome é diferentão mesmooooo. Hergos (de “ergo”) em latim significa: Sublime. : -) Ele deve se achar, né?

Ler mais

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Musa do jornalismo fala de sua passagem relâmpago pela TV Globo em Santarém

Musa do jornalismo fala de sua passagem relâmpago na TV Globo em Santarém, adriana pessoa

Jornalista e professora universitária, Adriana Pessoa [foto] é a entrevistada desta segunda-feira da seção No Salto, comandada pela jornalista Núbia Pereira.

Adriana é considerada uma das mulheres mais bonitas e elegantes do Jornalismo em Santarém.

Leia também – Faculdade do sudeste do Pará recebe autorização para ministrar curso de Logística.

A musa, que não suporta acordar cedo, adora dormir tarde, gosta de cozinhar e é vaidosa, revela a causa de sua passagem relâmpago pela TV Tapajós, afiliada da Rede Globo em Santarém.

Confira a entrevista neste link.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Uma perfeccionista que vive No Salto

Uma perfeccionista que vive No Salto, Adriana Pessoa

por Núbia Pereira

Musa do jornalismo No Salto, Adriana Pessoa é morena, alt…ops, perai…Qual a tua altura mesmo? 1,65. Annnnn? Sério? “Pareço alta, né? Sabe o que é? Não desço do salto, mana. Só ando No Salto… kkkkkkkk”

Hummmm…

Voltando à biografia da musa…Morena, dos olhos castanhos, magra e poderosa. Perfeccionista e metódica. Extrovertida… Fala pelos cotovelos. Tem sempre boas e engraçadas histórias para contar.

É bem humorada e linha dura. Sai de baixo se ela sair do salto. Eu heim!!! Melhor nem cutucar. Vaidosa, simpática…Uma exímia cozinheira.

Gosta de dançar, mas não se arrisca a cantar nada. Tem um jeito cativante da dar gargalhas…Falando nisso, borá lá conferir o bate papo com a Pessoa, a musa do jornalismo #NoSalto?

Oláaaaaaaa, você sempre pensou em fazer jornalismo?

Não. Fui muito indecisa com relação ao que queria ser. Quando mais menina falava que queria ser aeromoça. Achava o máximo. Mas graças a Deus que não escolhi essa profissão. Sou uma besta para enjoar no avião, imagina o que isso ia significar? Kkkkkkkkkk…

Ler mais

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Série Tapajós Invisível. Catebreu, o guardião da biblioteca do Lago Grande

Série Tapajós Invisível. Catebreu, o guardião da biblioteca do Lago GrandeCatebreu, paixão por livros nos confins da Amazônia

por Ericson Aires (*)

Se fôssemos numerar os seres encantados desta Amazônia, Catebreu, sem dúvida, figuraria entre os primeiros da lista.

Lenda viva do Lago Grande, morador de Curuai, apaixonado por livros e pelas linhas imaginárias que estes lhes leva a percorrer.

Leia também do autor – O artista invisível de uma cidade invisível.

Assina a criação da única biblioteca comunitária do lago. Um herói quixotesco. O guardião de um templo onde ele reina absoluto, sozinho, nos confins de uma Amazônia que ninguém quer ver.

Um sonhador, nãos menos inspirador.

Acredita no suporte “livro de papel” como fonte ideal para a transmissão do conhecimento, mas nem por isso se deixa desencantar com as histórias fantásticas desta Amazônia perdida.

Ler mais

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Videos
Canal direto
Canal Diteto
Prestação de Contas
Twitter


Colunistas
Sites e blogs
Publicidade