Blog do Jeso


Turismo

Vídeo. Cenas de Santarém, episódio 4, acaba de sair do forno

É pra salvar e compartilhar com amigos.

Eis que acaba de sair do forno mais um vídeo da série Cenas de Santarém, produzido pela AD’Produções.

É o quarto da série.

As imagens são de Fabrício Galúcio, Rony Aires e Adrio Denner. A edição de Zé Corrêa, com direção geral de Adrio Denner.

Assista!

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Olhar do leitor

Foto – Olintho Azevedo (*)
Olhar do leitor. Foto - Olintho Azevedo
Final da tarde na praia do Pindobal

* Fotógrafo amador, reside em Belém

Veja também:
Amanhecer na Pérola do Tapajós, de Wendell Medeiros.
Escultura em praia tapajônica, de Ronaldo Silva.
São Vicente de Paulo, guardião do asilo, de Jeso Carneiro.
A malhadeira e o pescador. Fios de captura, de Jeso Carneiro.
Feriado do Dia das Crianças. Praia de Alter do Chão, de Jeso Carneiro.

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Participe você também dessa seção. Envie para o blog a sua fotografia. Email: jesocarneiro@gmail.com ou pelo WhatsApp (93) 99141-3040.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Olhar do leitor

Foto – DJ Ronaldo Silva
Olhar do leitor. Foto - DJ Ronaldo
Escultura em praia tapajônica

Neste vídeo, um perfil do Ronaldo Silva

Veja também:
São Vicente de Paulo, guardião do asilo, de Jeso Carneiro.
A malhadeira e o pescador. Fios de captura, de Jeso Carneiro.
Feriado do Dia das Crianças. Praia de Alter do Chão, de Jeso Carneiro.

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Participe você também dessa seção. Envie para o blog a sua fotografia. Email: jesocarneiro@gmail.com ou pelo WhatsApp (93) 99141-3040.

 
 
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Que não falte fé

Que não falte fé, foto da Igreja matriz de NS da ConceiçãoIgreja de N. S. da Conceição, em Santarém

por Clóvis Lisboa Filho (*)

Na madrugada de ontem, 31, fui ao aeroporto de Santarém e me espantei com a quantidade de usuários circulando por lá.

Sala de embarque cheia, logo lembrei dos fogos de artifícios que eram cronometrados na semana passada. Anunciavam duas festas religiosas simultaneamente na cidade. É o denominado “turismo religioso”.

Espero que a próxima gestão municipal escolha um secretário de Turismo que tenha a sensibilidade e visão para os atos religiosos, transferindo para Alter do Chão (Praça dos Botos) esses tipos de eventos.

Turistas religiosos são os melhores clientes que qualquer comerciante pode almejar: alugam hotéis, casas, carros, comem, bebem, professam sua fé e nas horas vagas aproveitem para conhecer o que Santarém tem de melhor – suas praias e rios.

Ler mais

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Pesquisa da CNT avalia como regular a pavimentação e sinalização da BR-163

Pela primeira vez a Santarém-Cuiabá foi avaliada pela pesquisa da Confederação Nacional do Transporte

Pesquisa da CNT avalia como regular as condições de tráfego da BR-163, BR-163 - Perto de RurópolisTrecho da BR-163 próximo ao município de Rurópolis, um dos piores trechos da BR-163. Foto – CNT

68,5% (2.406 km) das rodovias do Pará apresentam algum tipo de deficiência e, por isso, são consideradas regulares, ruins ou péssimas. A informação é da 20ª Pesquisa CNT de Rodovias, da Confederação Nacional do Transporte.

O restante da extensão pesquisada no estado (31,5% – 1.104 km) é considerado ótimo ou bom.

Leia também – Rio Tapajós seca, praias aparecem e ataques de arraias aumentam.

O levantamento da CNT avalia o estado geral da malha rodoviária pavimentada de todo o país, considerando pavimento, sinalização e geometria da via. A pesquisa avaliou 3.510 km no estado.

Neste ano, pela primeira vez, foi avaliado o trajeto entre Cuiabá e Santarém, pela BR-163.

Os 2.110 quilômetros analisados da BR-163 têm classificação regular. Ao todo, foram avaliados 1.108 km no Mato Grosso e 1.002 km no Pará.

Ler mais

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Rio Tapajós seca, praias aparecem e ataques de arraias aumentam

Vítimas de ferroada de arraias aumentam consideravelmente nesta época do ano nas praias do Tapajós

Rio Tapajós seca, praias aparecem e ataques de arraias aumentam, passeio com tio EnirPonta do Cururu, em Alter do Chão, uma das praias mais badaladas de Santarém

por Sávio Carneiro (*)

Entre os meses de setembro e dezembro, as águas do rio Tapajós baixam e as belas praias que surgem ao longo das margens do rio são atrações que encantam qualquer turista.

Mas por trás desse espetáculo encantador e belíssimo da natureza o banhista, e principalmente o turista, precisam ficar atento para um perigo que surge todos os anos nessa época e tem feito várias vítimas, a ferroada de arraia.

Leia também do autor – Comunitários alertam para o assoreamento do lago Jacundá, em Alter do Chão.

Apesar de não ser mortal, a ferroada provoca uma dor intensa e se não for tratada pode trazer conseqüências graves.

Somente neste mês de outubro várias ocorrências foram registradas nas regiões de praia.

Na comunidade de Nova Sociedade, no rio Arapiuns, o pescador Adésio Silva, 37 anos, foi ferroado por uma arraia quando estava pescando na beira de um lago. O seu sobrinho, também, foi vítima no mesmo dia desse tipo de peixe.

Ler mais

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Comunitários alertam para o assoreamento do lago Jacundá, em Alter do Chão

Comunitários alertam para o assoreamento do lago Jacundá, em Alter do Chão, Assoreamento do Lago do Jacundá4Lago do Jacundá, em Alter do Chão

por Sávio Carneiro (*)

Moradores do bairro do Jacundá, localizado na vila balneária de Alter do Chão, em Santarém, voltaram a questionar nas redes sócias os problemas de assoreamento que o lago do Jacundá vem sofrendo nos últimos anos.

Um dos questionamentos feitos pela universitária e moradora da vila Jeci Laine Borari é sobre vários canos de drenagem que foram construídos com a chegada da expansão imobiliária e que despejam os resíduos dentro do lago. Ela acredita que esse problema é uma das causas do assoreamento do Jacundá.

Por outro lado, os proprietários das casas próximo ao lago se defendem dizendo que os canos foram construídos com o aval da Semma (Secretária Municipal do Meio Ambiente) e dos próprios comunitários responsáveis pela administração da vila balneária. Eles alegam que foi a solução mais viável que encontraram para o problema.

Dizem ainda que o assoreamento do Jacundá talvez esteja sendo causado pela terra procedente das águas pluviais, além dos resíduos jogados nas ruas, que acabam indo para o lago.

Assoreamento do Lago do Jacundá5

Ler mais

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Olhar do editor

Foto – Jeso Carneiro
olhar do editor - foto - Jeso Carneiro - Dia das Crianças

Feriado do Dia das Crianças. Praia de Alter do Chão

Veja também:
Voo azul, de Jeso Carneiro.
Menino deixa as digitais na praia, de Jeso Carneiro.
Santarém, pátria das praias e do verão, de Jeso Carneiro.
A garça e o foto, de Francisco ‘Chicão’ Lopes.
Praia do Cajueiro, de Jeso Carneiro.

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Participe você também dessa seção. Envie para o blog a sua fotografia. Email: jesocarneiro@gmail.com ou pelo WhatsApp (93) 99141-3040.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Olhar do editor

Foto – Jeso Carneiro

olhar do editor. Foto - Jeso CarneiroMenino corre e deixa as suas ‘digitais’ em uma ponta de praia no rio Tapajós, em Santarém

Veja também:
Santarém, pátria das praias e do verão, de Jeso Carneiro.
A garça e o foto, de Francisco ‘Chicão’ Lopes.
Praia do Cajueiro, de Jeso Carneiro.
Rio de cumplicidades, de Jeso Carneiro.
Bola na praia. O prazer, e o lazer, redondinho, de Jeso Carneiro.
É rio ou é mar? Aramanaí é logo ali, em Belterra, de Jeso Carneiro.
Rescaldo de incêndio, de Lila Bemerguy.

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Participe você também dessa seção. Envie para o blog a sua fotografia. Email: jesocarneiro@gmail.com ou pelo WhatsApp (93) 99141-3040.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Olhar do editor

Foto – Jeso Carneiro
Olhar do editor. Pátria das praias, Santarém
Santarém, pátria das praias e do verão

Veja também:
A garça e o foto, de Francisco ‘Chicão’ Lopes.
Praia do Cajueiro, de Jeso Carneiro.
Rio de cumplicidades, de Jeso Carneiro.
Bola na praia. O prazer, e o lazer, redondinho, de Jeso Carneiro.
É rio ou é mar? Aramanaí é logo ali, em Belterra, de Jeso Carneiro.
Rescaldo de incêndio, de Lila Bemerguy.

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Participe você também dessa seção. Envie para o blog a sua fotografia. Email: jesocarneiro@gmail.com ou pelo WhatsApp (93) 99141-3040.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Videos
Canal direto
Canal Diteto
Twitter


Colunistas
Sites e blogs
Publicidade