O Ideb (Índice de Educação Básica) da rede municipal de Santarém, até a 4ª série, apresentou os seguintes números e nomes em 2011, segundo dados do MEC (Ministério da Educação e Cultura).

O índice mede a qualidade da educação:

4,7

Média obtida no ano passado. Ficou 9% acima da média projetada (4,3), e acima da média da rede estadual do Pará (4).

63%

Percentual de escolas da rede municipal de Santarém que atingiram a meta prevista para 2011. No total, são 51 escolas. 30 não atingiram a meta.

Ecila Nobre dos Santos

Escola municipal com melhor desempenho no Ideb/2011. Obteve nota 5,5. Em 2º lugar ficou, com nota 5,4, a escola de tempo integral Fabiano Mertz.

  • 1
    Share

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

7 Comentários em: Números e nomes: Ideb em Santarém

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Fernando Reis disse:

    Infelizmente, são apenas numero!

  • Observador atento disse:

    Solicito correção de erro de digitação quanto ao ano que o observador atento escreveu sobre o IDEB.

    Onde se lê 2009 leia-se 2011.

  • Observador atento disse:

    É verdade que o Ideb da Rede Pública Municipal de Santarém para as séries iniciais e para as séries finais do ensino fundamental melhoraram no período de 2005 a 2009. No entanto, não foram suficientes nem para manter-se em 2º lugar entre os municípios do Estado do Pará como era em 2005. Por exemplo para 4ª/5º ano Santarém caiu no ranking do Ideb de de 2º para 5º entre os municípios do Pará. Tendo a sua frente Ourilândia do Norte e Dom Elizeu em 1º lugar. parauapebas em 2º, Altamira em 3º, Paragominas em 4º. Junto com Santarém em 5º estão Novo Progresso, Tomé Açu e Ananindeua.

    Para a 8ª série/9ºano a queda do ranking foi ainda maior na rede pública municipal em relação sos demais municípios do Pará. Foi de 2º para 6º. Banach em 1º, Ananindeua em 2º, Atamira em 3º, Novo progresso em 4º, Tomé Açu, Santarém Novo e Uruará em 5º. Junto com Santarém estão na 6ª posição Oriximiná, Placas, Ourilândia do Norte, Ulianópolis, Medicilândia, Concórdia do Pará, Ipixuna e Santarém Novo.

    Para finalizar é importante reafirmar que o Ideb de Santarém melhorou mas não foi suficiente para manter a posição de 2005, porque outras redes municípais melhoraram mais que nós.
    Não podemos afirmar que somos os tais em educação porque outros municípios melhoraram mais do que nós.
    Embora o Ideb não seja o único indicador para garantir uma educação de qualidade ou não, mas é um parâmetro de referência.

  • Juscelino Ferreira disse:

    Parabéns aos professores, alunos, gestores e a toda comunidade escolar da Ecila Nobre, campeã do IBEB na rede municipal de Santarém. Parabéns também à professora Lucineide Pinheiro que nos últimos sete anos, à frente da Semed, liderou um trabalho honesto e comprometido com a educação de qualidade. E ai está o resultado.

  • Juscelino Ferreira disse:

    Ecila Nobre dos Santos. Esse é o nome correto da escola municipal de Santarém que alcançou a maior nota no IDEB 2011. Está localizada no bairro da Conquista e recebeu essa denominação em homenagem à jovem professora Ecila Nobre dos Santos, falecida aos 20 anos de idade, no início da década de 90. Esta é a segunda vez consecutiva que uma escola municipal da grande área do Santarenzinho alcança a maior nota do IDEB, com 5.2, a Escola Fernando Guilhon foi a campeã em 2009.
    Esses números refletem claramente os avanços e a qualidade alcançados pela educação de Santarém nos últimos sete anos. Mostram também que os números do Município de Santarém estão bem à frente do IDEB do Estado do Pará.

    1. Jeso Carneiro disse:

      Obrigado pela informação, Juscelino. A correção foi feita. Abraços!

  • Junor disse:

    Mesmo algumas escolas não atingindo a meta, ficamos acima da média estipulada, isso mostra que estamos no caminho certo. Espero que esse trabalho tenha continuidade.