Publicado em por em Infraestrutura, Oeste do Pará, Política

O governo federal, via Secretaria Nacional de Defesa Civil, reconheceu a situação de emergência de Santarém e mais 2 outros municípios do oeste do Pará. O reconhecimento foi oficializado hoje (25), através de portaria publicada no DOE (Diário Oficial da União), assinada por Humberto Viana, secretário nacional de Defesa Civil. A situação de emergência vem […]

Enchente em Santarém. Foto Ronaldo Ferreira
A rua 15 de Agosto, no centro de Santarém, foi invadida pelas águas do rio Tapajós. Foto: Ronaldo Ferreira

O governo federal, via Secretaria Nacional de Defesa Civil, reconheceu a situação de emergência de Santarém e mais 2 outros municípios do oeste do Pará.

O reconhecimento foi oficializado hoje (25), através de portaria publicada no DOE (Diário Oficial da União), assinada por Humberto Viana, secretário nacional de Defesa Civil.

A situação de emergência vem à reboque da enchente dos rios amazônicos e “inudações graduais”.

Nesta situação, os 3 municípios estão legalmente habilitados receber recursos públicos da União para enfrentar o problema.

Além de Santarém, estão listados nesta portaria (nº 194/2012) Almeirim e Terra Santa.

Leia também:
Parque Vera Paz está 70% concluído.


Publicado por:

6 Comentários em Santarém entra na lista federal de “emergência”

  • Senhores e Senhoras
    Corpo técnico da Prefeitura de Santarém: Engenheiros e Engenheiras.
    Nós precisamos de obra com Engenharia. Por favor, a enchente acontece todo ano: DIQUES, CANAIS e COMPORTAS.
    Quando?????? NUNCA??????

  • As águas já baixaram e não tem nada sendo invadida, essa foto não é a realidade de Santarém.

  • PRONTO, TÁ LINDO!!!! SÓ FALTA AGORA OS MESMOS BÔBOS QUE CHAMAM ALTER DO CHÃO DE CARIBE BRASILEIRO, COLOCAREM UMAS BAJARAS NAS RUAS DO CENTRO ALAGADAS, NOMINALAS DE GÔDOLAS E ALARDEAREM QUE AGORA SANTARÉM É A VENEZA BRASILEIRA.

  • É Verdade Professor. O Engraçado é que tratam isso como se não fosse normal o rio subi e encher todos os anos. Na TV Tapajós então é clara a falta de profissionalismo dos repórteres que só mostram o lado negativo de tudo .. É incrível isso

    1. Em Manaus a tragédia para uns passou a ser ganho para outros e o turismo continua de vento em popa, enquanto Santarém …..

  • Nossa imprensa pauta somente a subida das águas dos rios. Mas se subissem para a região do planalto, teriam como pauta a precipitação pluviométrica bem menor este ano. Não me espantaria se encontrasse um deles não sabendo o que é precipitação pluviométrica.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *