Blog do Jeso

Pará

vc. repórter. Ano letivo ainda não começou em 3 escolas em Óbidos

vc. repórter. Ano letivo ainda não começou em 3 escolas em Óbidos, Escolas parada em Óbidos e a secretária de edcuaçãoUm das escolas de Óbidos sem aulas e a secretária Ananilva Pereira

 
Pelo menos 3 escolas públicas municipais em Óbidos o ano letivo ainda não começou. A denúncia é de uma leitora da página do Blog do Jeso no Facebook.

Sob a condição de anonimato, ela relata:

“Apesar da maioria das escolas da rede municipal de educação estarem funcionando em sua normalidade, algumas ainda estão com déficit de pessoal do administrativo, professores e com problemas estruturais, por isso não iniciaram o ano letivo de 2017”, diz a leitora, apontando o prefeito Chico Alfaia e a secretária de Educação, Ananilva Pereira, como responsáveis essa situação.

As escolas que estão paradas são:

– Escolas Frei Edmundo, no bairro São Francisco;

Ler mais

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Celpa sobe 21 posições no ranking de qualidade de serviços da Aneel

Celpa sobre 21 posições no novo ranking de qualidade da Aneel, Nonato castro, presidente da CelpaNonato Castro, nº 1 da Celpa

 
Ladeira acima.

No novo ranking que avalia a qualidade dos serviços das distribuidoras de energia elétrica de todo o país, a Celpa passou a ocupar a 14ª posição, subindo 21 posições, comparando-se a 2012, quando era a última colocada.

A lista foi divulgada pela Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) no sábado, 18. No Ler Mais, abaixo, a lista.

Segundo a Aneel, em 2016 o sistema de distribuição de energia elétrica ficou disponível 99,82%.

REDUÇÃO

Ou seja, das 8.760 horas do ano, os consumidores ficaram 15,82 horas em média sem energia, uma redução de 15% ao valor registrado em 2015.

Ler mais

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Governador nomeia o promotor Gilberto Valente como novo nº 1 do MP no Pará

Valente é o primeiro promotor da história a ser nomeado para o cargo, antes exclusivo de procuradores

Governador nomeia o promotor Gilberto Valente como novo nº 1 do MP no Pará, Gilberto Valente, procurador geral do ParáGilberto Valente tem 55 anos e é mestre em Direito

 
Saiu hoje, 20, a nomeação, feita pelo governador Simão Jatene (PSDB), de Gilberto Valente Martins para o cargo de procurador geral do MP (Ministério Público) do Pará.

O mandato do novo nº 1 do MP é de 2 anos (2007-2009).

Leia também
Holofotes em 6 VIPs. Rafael, Fleury, Dannie, Edu, Paulo e João

Na lista tríplice dos mais votados, Gilberto Valente foi o segundo colocado – de um colégio eleitoral de 346 votantes, entre procuradores e promotores de justiça.

Essa foi a primeira vez que promotores concorreram ao cargo de procurador-geral. Antes, apenas procuradores entravam na disputa.

Ler mais

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Iespes lidera em Santarém o ranking do IGC, do MEC; no Pará, Famaz é a nº 1

O IGC, de iniciativa do Ministério da Educação, avalia a qualidade dos cursos universitários nos últimos 3 anos

Iespes lidera em Santarém o ranking do ICG, do MEC; no Pará, Famaz é a nº 1, Iespes

O MEC (Ministério da Educação) divulgou o novo Índice Geral dos Cursos (IGC), versão 2015, que mede a qualidade de todos os cursos de graduação, mestrado e doutorado das instituições de ensino superior no país.

A lista foi publicada na quarta-feira, 8. No Ler Mais, abaixo, confira o ranking paraense.

No geral, o IGC avalia universidades, centros universitários, faculdades isoladas, integradas e outros, em valores contínuos que vão de 0 a 5.

Em Santarém, a melhor nota da lista geral é do Iespes (Instituto Santareno de Ensino Superior), com 2,69 pontos, seguido da Ufopa (Universidade Federal do Oeste do Pará) com 2,48 pontos.
 
CAPES
 
Em 3º lugar, aparece a FIT (Faculdades Integradas do Tapajós), com 2,45 pontos , seguido pelo Ceuls/Ulbra com 2,14. O IFPA (Instituto Federal do Pará) é o 5º da lista, com 2,08 pontos.

Ler mais

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Criminalização dos trabalhadores do ouro

Criminalização dos trabalhadores o ouro, Ouro e garimpo

por Alex Pamplona (*)

A população da região do Tapajós, no Estado do Pará, há anos sofre com o completo abandono por parte do poder público, seja estadual ou federal.

Os desafios, enfrentados diariamente, não são considerados no momento de se construir as políticas públicas, que deveriam servir para mitigar a dor, sofrimento e o descaso, que estamos sujeitos constantemente.

Os homens e mulheres que hoje ocupam a região, e que foram e são os responsáveis pelo desenvolvimento desse lugar, não vieram apenas por suas vontades, estão aqui por conta de uma política pública nacional, o famoso Plano de Integração Nacional, que tinha o intuito de integrar e unificar a Amazônia com o resto do País.

Além da proteção da floresta em função de uma possível “internacionalização”, incentivando a migração de pessoas de todas as partes do Brasil, com a promessa de que teriam condições e infraestrutura para trabalhar, principalmente na agricultura e manejo de madeira.

Infelizmente as promessas não passaram de “promessas”, e as pessoas se viram sozinhas, abandonadas e entregues à própria sorte.

Ler mais

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Hospital Santo Antônio, em Alenquer, será investigado pelo Ministério da Saúde

Há indícios de irregularidades no hospital nas áreas de faturamento e prontuário médico
Hospital Santo Antônio, em Alenquer, será investigado pelo Ministério da Saúde, Hospital Santo Antonio, de alenquer

Três auditores em Saúde do SNA (Sistema Nacional de Auditoria) foram convocados para apurar denúncia de irregularidades, detectadas no ano passado, no hospital Santo Antônio [foto], em Alenquer.

O SNA é vinculado ao Ministério da Saúde.

Os alvos da investigação são faturamento e prontuários médicos referentes aos meses de setembro, outubro, novembro e dezembro de 2016.

O Santo Antônio é hospital de média complexidade, particular e que também atende o SUS.

Ler mais

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Escritor obidense concorre à cadeira na Academia Paraense de Letras

Célio Simões, se eleito, será o segundo escritor de Óbidos a entrar na APL em 116 anos de história

Escritor obidense concorre à cadeira na Academia Paraense de Letras, Célio Simões e a APLCélio Simões mora em Belém e é articulista do Blog do Jeso. Fachada da APL

 
Articulista do Blog do Jeso, o advogado e escritor Célio Simões concorre a uma das 4 cadeiras vagas da APL (Academia Paraense de Letras) numa disputa que também tem como postulante o prefeito de Belém, Zenaldo Coutinho (PSDB).

Se eleito, Célio será o segundo obidense da gema a virar imortal da APL – que neste 2017 completa 116 anos.

O primeiro foi o poeta Augusto Correa Pinto.

Ildefonso Guimarães, que viveu quase toda sua vida em Óbidos, onde era oficial do Exército no velho Quartel do 4º Grupo de Artilharia de Costa, foi outro acadêmico, mas era natural de Santarém.

Os dois, aliás, travaram sólida amizade.

Ler mais

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Eu recomendo. DNPM será substituído por agência reguladora

mineração no Pará

O governo federal está preparando um pacote de reformas para o setor de mineração que, com certeza, se implementado, terá impacto na economia paraense. A ideia é, com as mudanças, subir a participação do setor no PIB nacional de 4% para 6%.

– Entre as medidas em discussão está o envio de uma medida provisória ao Congresso para transformar o Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM) em uma agência reguladora, com cerca de 50% mais servidores do que hoje – escreve o jornalista Danilo Fariello, de O Globo.

O Blog do Jeso recomenda a leitura da matéria publicada hoje, 7, no jornalão carioca, por conta das implicações também na economia de municípios como Itaituba, Oriximiná, Faro e Terra Santa, todos no oeste do Pará.

Neste link, leia a íntegra.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Holofotes em 6 VIPs. Roberta, Rosilane, Célio, Marcela, Alysson e Héldson

Holofotes em 6 VIPs. Roberta, Rosilane, Célio, Marcela, Alysson e Héldson, 6 VIPs - Roberta, Marcela, Rosilane, Célio, Alysson e HéldsonNo alto, Roberta, Marcela e Rosilane. Embaixo, Célio, Alysson e Héldson

 

Roberta Freitas

A jornalista fica só até sexta-feira, dia 10, na TV Tapajós (afiliada da Rede Globo em Santarém), depois de cerca de 3 anos na emissora. Ela recebeu convite – e topou – para trabalhar na assessoria de comunicação do Ceuls (Centro Universitário Luterano de Santarém), vinculado à Ulbra.

Rosilane Evangelista Silva

A ex-titular da Sefin (Secretaria Municipal de Finanças) em Santarém, gestão da ex-prefeita Maria o Carmo, teve a sua prestação de contas de 2008 aprovada pelo TCM (Tribunal de Contas dos Municípios). Naquele ano, a contadora movimentou R$ 6,2 milhões. Aprovação por votação unânime.

Célio Simões

O advogado e escritor paraense planeja lançar a sua mais recente obra – Um pouco de muitas histórias – em Óbidos, sua terra natal, no mês de julho. O pré-lançamento foi feito em fevereiro passado, em Belém, durante XI Feira do Livro, na Praça da República.

Ler mais

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Videos
Canal direto
Canal Diteto
Twitter


Colunistas
Sites e blogs
Publicidade